O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Chip M1

Chip M1 poderá ser fabricado pela… Samsung!

Tudo depende da capacidade de produção da TSMC

Sabemos que, hoje em dia, a grande parceira da Apple na produção dos seus chips próprios — tanto os de iPhones/iPads quanto o M1, dos Macs — é a Taiwan Semiconductor Manufacturing Company (TSMC). Entretanto, os taiwaneses não podem produzir processadores infinitamente e, com isso, uma outra figura poderá entrar na jogada: ninguém menos que a Samsung.

Publicidade

Segundo uma matéria do Business Korea, a sul-coreana poderá voltar a produzir chips da Apple em breve. As razões são claras: agora que os Macs passarão a incorporar processadores próprios, a TSMC poderá ficar sobrecarregada na produção desses componentes — como já comentamos, a Apple reservou toda a capacidade de fabricação da taiwanesa para chips de 5 nanômetros, justamente para montar o A14 Bionic e, agora, o M1.

É aí que entra a Samsung: hoje, a gigante e a TSMC são as únicas do mundo capazes de fabricar processadores com arquitetura de 5nm. Analistas, portanto, acreditam que a Maçã poderá recorrer à arquirrival para satisfazer a sua demanda por chips para toda a sua linha de produtos, especialmente o M1. Como declarou um pesquisador à reportagem:

O pedido de chips M1 já ocupa cerca de 25% da capacidade de produção de 5nm da TSMC, mas a taiwanesa já está usando grande parte dessa capacidade para produzir os chips dos iPhones 12. Provavelmente, a demanda que a TSMC não for capaz de atender será levada até a divisão de chips da Samsung Electronics.

Se isso soa levemente familiar, é porque a Samsung já fabricou chips para a Apple: até cinco anos atrás, a sul-coreana dividia os trabalhos de fabricação dos processadores justamente com a TSMC. Em um dado momento, entretanto, a taiwanesa passou a lidar com a totalidade dos pedidos, por razões nunca explicadas — à época, alguns analistas afirmaram que a Apple tinha mais confiança no processo de fabricação da TSMC que no da Samsung.

Publicidade

Caso a Sammy volte ao jogo, portanto, é de se esperar que a Apple tenha dissipado essa (suposta) má-impressão de anos atrás — afinal de contas, nesse período de transição dos Macs, fabricar chips de primeiríssima linha é crucial para evitar desconfiança por parte dos consumidores e continuar com as promessas extremamente ambiciosas do M1. Vamos acompanhar.

via SamMobile

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Desafio do Dia de Ação de Graças (2020) do Apple Watch

Apple Watch terá desafio do Dia de Ação de Graças (Thanksgiving)

Próximo Artigo
"Servant"

Apple TV+ divulga teaser da 2ª temporada de "Servant"

Posts Relacionados