O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Desmonte e sensor-shift do iPhone 12 Pro Max

Desmonte do iPhone 12 Pro Max mostra sensor-shift em toda a sua glória

Já sabemos como ele funciona — agora é hora de vê-lo em ação

No nosso artigo completo falando sobre as novidades das câmeras da família iPhone 12, explicamos do que se trata a tecnologia sensor-shift do iPhone 12 Pro Max. Basicamente, estamos falando de um sistema de estabilização óptica que é instalado no sensor, e não na lente, permitindo a compensação dos seus movimentos de forma muito mais precisa e proporcionando fotos muito mais nítidas.

Publicidade

O que faltava? Ver como ele funciona, claro — e para isso, podemos contar com nosso amigo de sempre, Zack Nelson (do canal JerryRigEverything).

Nelson desmontou o iPhone 12 Pro Max (com mais cuidado, depois de ter destruído a tela do iPhone 12 num processo similar) para desvendar os mistérios guardados nas entranhas do aparelho. A uma primeira vista, não temos nada de muito diferente em relação ao irmão menor — a maior diferença está na bateria, que, assim como no 11 Pro Max, tem um design em “L”, contínuo (mas na orientação contrária, já que a placa e a bateria trocaram de lado na nova geração).

A grande curiosidade, aqui, está nas câmeras: logo de início podemos ver a diferença entre o tamanho dos módulos do 12 Pro e do 12 Pro Max (o aparelho maior, como sabemos, tem câmeras também maiores). Como já sabíamos, também, o posicionamento das câmeras é invertido entre os aparelhos: no 12 Pro Max, a grande-angular fica embaixo, para acomodar mais competentemente seus componentes internos.

Publicidade

Nelson partiu, então, para literalmente abrir cada câmera e expor suas intimidades mais profundas; no processo, conseguimos enxergar o sistema sensor-shift em toda a sua glória, com o sensor da câmera grande-angular do 12 Pro Max flutuando livremente dentro do seu receptáculo.

O sistema é muito parecido com o que algumas fabricantes já implementam em câmeras profissionais — no vídeo, podemos ver a Panasonic GH5 com uma tecnologia similar. É possível, também, comparar a coisa toda com o sistema de câmeras do iPhone 12 Pro, que tem a estabilização ótica localizada na lente (assim como em todos os outros smartphones).

Combinando isso tudo com as críticas especializadas até o momento, podemos dizer: bom trabalho da Apple, não é mesmo?

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Oferta: Apple Watch SE com 23% de desconto!

Próximo Artigo
Google Stadia

Google anuncia que Stadia chegará ao iOS por meio de web app

Posts Relacionados