iPhones dominam buscas por aparelhos novos na Black Friday iPhones marcaram presença em oito posições entre os dez aparelhos mais buscados

iPhone 8

A Black Friday chegou e um ótimo termômetro que temos para entender quais são os produtos mais desejados pelo povo brasileiro é analisando as buscas envolvendo essa data que já faz parte do nosso calendário. E elas comprovam: muita gente quer um iPhone! O problema? O bolso, é claro. 😓

Publicidade

As informações vêm de dois levantamentos: um que indica os itens mais desejados para esta Black Friday (feito pelo instituto de pesquisas Provokers, a pedido do Google) e outro com detalhes de desejo de compra de celulares (feito pelo próprio Google), incluindo preços e modelos.

Segundo a pesquisa, 38% dos respondentes disseram que sua principal intenção na Black Friday de 2020 é comprar um celular. Já o levantamento do Google (realizado entre os dias 9 e 12 de outubro) listou os dez celulares mais buscados — mas vale notar que eles não estão em ordem de relevância (essa informação não foi compartilhada). Eis a lista:

  • A71 (Galaxy A71)
  • iPhone 7
  • iPhone 7 Plus
  • iPhone 8
  • iPhone 8 Plus
  • iPhone 11
  • iPhone 12
  • iPhone X
  • iPhone XR
  • Xiaomi Redmi Note 8

Como podemos ver, o iPhone domina a lista. Contudo, ainda que tenhamos os modelos 12 e 11 nela, a predominância é de aparelhos mais antigos (consequentemente, com preços mais atraentes) — mostrando quanto o pessoal está disposto a pagar.

Publicidade

E aí entra outra parte importante da pesquisa do Google, focada justamente em quanto as pessoas estão dispostas a investir em um novo smartphone:

  • 30%: até R$999
  • 31%: entre R$1.000 e R$1.999
  • 7%: R$2.000 e R$2.999
  • 3%: R$3.000 e R$3.999
  • 4%: mais de R$4.000
  • 25%: não sabem quanto vão gastar

Somando as duas primeiras opções, concluímos que 61% das pessoas não querem gastar mais que R$1.999 em um aparelho novo. Juntando as três primeiras, concluírmos que 68% estão dispostos a investir um valor abaixo do iPhone mais em conta vendido atualmente pela Apple no Brasil (o SE), que sai por R$3.329,10 (à vista) — obviamente, deixando de lado possíveis promoções.

E a prova de que nem tudo é como a gente deseja está em dados da Canalys. Por mais que o iPhone domine as buscas quando o assunto envolve a compra de um smartphone novo, dados do terceiro trimestre mostram que a Samsung (apenas um aparelho entre os mais buscados) foi a fabricante que mais vendeu no Brasil, com 54% de market share — seguida por Motorola (23%), Apple (7%) e Xiaomi (4%).

Publicidade

Ou seja, a Samsung e Motorola (quem nem mesmo apareceu entre as mais buscadas) dominam as vendas por oferecerem um catálogo de produtos muito mais variado — consequentemente, com alguns com preços bem mais atraentes.

Para termos uma ideia de preços, um estudo da IDC focado no segundo trimestre deste ano concluiu que o preço médio dos smartphones comprados no Brasil foi de apenas R$1.539.

via Tilt

Posts relacionados

Comentários