O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Grupo contra taxas da App Store agora tem NYTimes, Disney e outras gigantes

A pressão contra a Apple está cada vez maior
Coalition for App Fairness

Lembram da Coalition for App Fairness? O grupo, fundado por empresas como a Epic Games, o Spotify e a Tile, tem como objetivo questionar as políticas e taxas da App Store, levando as questões ao conhecimento do grande público e pressionando governos e órgãos reguladores por medidas contra as práticas ditas monopolistas da Apple — estimulando, no processo, a própria Maçã a reconsiderar essas diretrizes (algo que até já foi feito, mas não nas proporções que essas empresas esperavam).

Publicidade

Pois recentemente, o grupo ganhou um reforço de peso: a Digital Content Next (DCN), representação comercial que defende os interesses de algumas das maiores publicações dos Estados Unidos. Entre os integrantes da DCN, temos o New York Times, a Disney, a Bloomberg, a Associated Press, o grupo Vox (do The Verge e de vários outros sites), o Washington Post, o Financial Times, a NPR, a NBCUniversal e diversas outras gigantes da mídia.

As publicações resolveram juntar-se ao grupo por verem problemas, especialmente, na taxa de 30% cobrada pela Apple na grande parte das transações digitais realizadas dentro da sua plataforma — uma prática que, segundo o grupo, afeta a relação das empresas com seus consumidores e força o aumento do preço de assinaturas e venda de serviços.

O CEO1 da DCN, Jason Kint, afirmou o seguinte:

A DCN está feliz em juntar-se à Coalition for App Fairness para trabalhar no estabelecimento de um cenário digital justo e competitivo. As publicações renomadas que fazem parte da DCN desfrutam de uma relação direta e de confiança com seus consumidores, que não esperam que intermediários imponham taxas arbitrárias e regras que limitem a capacidade deles de consumir as notícias e o entretenimento que eles amam.

Já a porta-voz da coalizão, Sarah Maxwell, declarou:

Publicidade

Ter a DCN na Coalition for App Fairness é um marco para a nossa campanha, e a visão geral que eles têm sobre os principais problemas da App Store tornará nossa voz ainda mais forte. Nós estamos animados em trabalhar com as publicações para defendermos políticas mais justas na App Store, responsabilizar a Apple e dar aos consumidores mais liberdade de escolha.

Para quem não está associando o nome à figura, a DCN ganhou as manchetes do mundo tecnológico há alguns meses, quando as publicações que fazem parte do grupo exigiram condições iguais às da Amazon na App Store — a gigante de Jeff Bezos, como descobrimos, tem um acordo especial com a Maçã, com taxas menores para assinaturas feitas no aplicativo do Prime Video para iOS/iPadOS.

No geral, as notícias de hoje são mais uma dor-de-cabeça para uma semana já cheia de golpes e cutucadas contra a Maçã. Apenas para citar os exemplos mais drásticos, vimos a União Europeia propor leis que poderão limitar as práticas da empresa e o Facebook colocar anúncios de página inteira em alguns dos principais jornais do EUA para acusar a Apple de prejudicar pequenos negócios.

Publicidade

Tá brabo, o negócio.

via TechCrunch

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Produtos Apple (sistema operacionais em versão beta)

Apple libera primeiras versões beta do iOS 14.4, do iPadOS 14.4, do watchOS 7.3 e do tvOS 14.4

Próximo Artigo
Desafio do Ano Novo no Apple Watch

Apple Watch terá desafio de Ano Novo

Posts Relacionados