O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Snapdragon 888 perde pro A14 Bionic em benchmarks

De qualquer forma, a briga vai ser boa
Chip Qualcomm Snapdragon 888

No início deste mês, falamos aqui sobre o Snapdragon 888, novo chip da Qualcomm que concorrerá com o A14 Bionic, da Apple, e equipará boa parte dos flagships do mundo Android em 2021. À época, sua fabricante não tinha detalhado em números o poder e a performance do processador, mas agora já temos uma ideia muito melhor das suas capacidades.

Publicidade

Digo isso porque a Qualcomm liberou hoje resultados de vários benchmarks feitos com o Snapdragon 888 — e, como de costume, o pessoal do AnandTech comparou os dados com os de outros processadores/aparelhos atuais, para que possamos ter uma ideia do que vem por aí. Resultado: o novo chip da Qualcomm é formidável, mas na frieza dos números, dificilmente passará o A14.

Benchmarks do chip Snapdragon 888 e do A14 Bionic

No Geekbench 5, por exemplo, o novo Snapdragon marcou 1.135 pontos na medição de núcleo único e 3.794 pontos na multinúcleos — bem abaixo do novo chip da Maçã, que conquistou 1.603 e 4.187 pontos, respectivamente. Aliás, o processador da Qualcomm ficou até mesmo abaixo do A13 Bionic na medição de núcleo único: o chip da Apple do ano passado fez 1.331 pontos.

No benchmark GFXBench, focado em gráficos, o 888 mais uma vez perdeu para os chips da Maçã — não só para o A14, mas também, mais uma vez, pro A13. Ele chegou a 86 quadros por segundo na performance de pico (a performance sustentada não foi medida), enquanto os iPhones 12 chegaram a 102qps. Até o iPhone SE de segunda geração ficou acima do novo chip da Qualcomm, com 89,7qps. 😳

Benchmarks do chip Snapdragon 888 e do A14 Bionic

Ao menos em um benchmark, o Snapdragon superou com folga o A14: no AnTuTu, o chip da Qualcomm chegou a 735.493 pontos, contra 638.841 do processador da Apple. Aqui, entretanto, as comparações não podem ser feitas de forma direta por conta da forma como a ferramenta mede a performance dos chips — diferenças fundamentais nas APIs1 e no kernel dos sistemas tornam os paralelos difíceis de serem feitos.

O fato é que, seja lá para que lado for, você pode ter a certeza de que terá um supercomputador no bolso ou na bolsa quando for a campo adquirir seu próximo smartphone. Os primeiros aparelhos com o Snapdragon 888 deverão chegar ao mercado no início do ano que vem, aliás.

via PhoneArena

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Wi-Fi 6E

"iPhones 13" poderão ter Wi-Fi 6E; iPads com tela OLED ainda deverão demorar

Próximo Artigo
Ícones do WhatsApp, do Facebook e do Instagram

WhatsApp, Instagram e Facebook são os apps mais presentes nas telas iniciais de brasileiros

Posts Relacionados