O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Alerta contra o FBI no iPhone
GBH

ACLU processa FBI por usar ferramentas pra invadir iPhones

Já é sabido — há um bom tempo, inclusive — que o Departamento Federal de Investigação (Federal Bureau of Investigation, ou FBI) dos Estados Unidos não só consegue, como já desbloqueia iPhones de investigados e suspeitos, sem necessariamente ter a senha desses dispositivos.

Publicidade

Isso é possível a partir de ferramentas como a GrayKey, da israelense Grayshift, a qual pode invadir iPhones em questão de minutos. O uso de ferramentas como a GrayKey se tornou sistêmico nos EUA a partir de 2018, e agora a União Americana pelas Liberdades Civis (American Civil Liberties Union, ou ACLU) anunciou que planeja processar o FBI devido a essa “capacidade obscura” de o departamento poder “invadir dispositivos criptografados à vontade”.

O processo visa obter informações relacionadas à Unidade de Análise de Dispositivos Eletrônicos (EDAU) do FBI e sua “aparente aquisição de equipamentos que permitiriam ao governo desbloquear e descriptografar informações que, de outra forma, estão armazenadas com segurança em dispositivos móveis”.

A ACLU também apontou que muitos especialistas alertaram, durante anos, que o FBI desenvolveu silenciosamente recursos para desbloquear iPhones por conta própria. Por conta disso, a ACLU entrou com vários pedidos respaldados pelo Freedom of Information Act para recuperar informações de dispositivos eletrônicos bloqueados.

Publicidade

Em resposta, o FBI emitiu o que é conhecido como uma “resposta glomar” — uma recusa até mesmo de confirmar ou negar que tais registros do EDAU existiram em primeiro lugar. O problema, no entanto, é que a recusa do FBI em reconhecer se os registros existem ou não é particularmente implausível à luz das várias notícias sobre as tentativas da agência de acessar dispositivos bloqueados.

Em sua declaração, a ACLU escreveu que a recusa assustadora do FBI em fornecer informações não está apenas fechando a porta para a investigação:

Eles fecharam a porta, fecharam as janelas, fecharam as cortinas e se recusaram a reconhecer se a casa que estamos olhando até existe.

A Apple, naturalmente, já se posicionou contra o uso de ferramentas para desbloquear iPhones, negando até mesmo a criação de uma backdoor para que agências federais como o FBI desbloqueassem seus dispositivos.

via Gizmodo

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Vídeo: conceito do "Apple Car"

Conceito do "Apple Car" se inspira no… Magic Mouse?

Próximo Artigo
Bateria externa MagSafe para iPhones 12

E já temos a primeira bateria externa MagSafe para iPhones 12

Posts Relacionados