Kuo: Apple lançará “AirTags” e dispositivo de realidade aumentada este ano Os rumores estão lançados

Renders do "AirTag"

Novo ano, novos rumores — e, para eles, nada melhor que recorrermos ao nosso amigo de sempre, Ming-Chi Kuo.

Publicidade

Com base em suas fontes (quase sempre) confiáveis, o analista da TF International Securities lançou hoje uma nova nota a investidores detalhando alguns possíveis lançamentos da Apple a serem realizados em 2021. Vamos dar uma olhada, portanto.

“AirTags”

Um dos rumores, como não poderia deixar de ser, refere-se às “AirTags”.

Os rastreadores da Apple já estão nos radares da indústria de rumores há bastante tempo, e surgiram até mesmo no vídeo de um leaker hoje mais cedo. Para quem não tem acompanhado, trata-se de um pequeno dispositivo que poderá ser utilizado para rastrear objetos pessoais (como carteiras, bolsas ou bicicletas), com conexão ao iPhone por meio do chip U1 — e, possivelmente, terá algumas funções extras nas mangas.

Publicidade

Considerando o “avanço” dos rumores, as “AirTags” surgiram como possíveis anúncios de todos os eventos da Apple realizados em 2020, mas acabaram sem dar as caras em nenhum deles. Este ano, parece que a espera finalmente acabará, segundo Kuo.

Dispositivo de AR

O analista afirmou também que o ano que se inicia será aquele em que veremos o primeiro dispositivo de realidade aumentada da Apple — ele só não especificou como será esse aparelho.

Para isso, teremos de recorrer a notas anteriores de Kuo. Se vocês bem se lembram, em meados do ano passado ele afirmou que os primeiros “Apple Glasses” chegariam num formato bem fino, leve e discreto — porém completamente dependentes do iPhone: o smartphone seria o “cérebro” do headset, responsável por enviar todas as informações aos olhos do usuário.

À época, Kuo afirmou que o produto chegaria ao mercado, no melhor dos cenários, no começo de 2022. Não sabemos se o analista adiantou suas previsões ou se esse dispositivo, referenciado hoje, é um outro modelo ainda desconhecido. Para isso, teremos de aguardar.

AirPods

Kuo corroborou, também, as especulações de que uma nova geração dos AirPods chegará em 2021. Apesar de não ter especificado como serão esses novos fones, rumores recentes indicam que eles abandonarão o design atual por um formato semelhante ao dos AirPods Pro, com direito a pontas de silicone e encaixe intra-auricular.

A diferença seria que os AirPods “comuns” de terceira geração (você também pode chamá-los de “AirPods Pro Lite” até que a Apple diga o contrário) não teriam alguns dos recursos mais especializados dos seus irmãos mais caros, como o cancelamento ativo de ruído ou o áudio espacial. Resta saber como a Apple lidará com toda a parcela do público que não gosta do design intra-auricular…

Macs e iPads

Partindo para rumores mais genéricos, Kuo afirmou também que a Maçã continuará expandindo o Apple Silicon (como o chip M1 ou possíveis sucessores dele) para mais Macs ao longo de 2021

O analista reafirmou, ainda, sua previsão anterior de que a Maçã implementará painéis Mini-LED em alguns modelos de Macs e iPads — em relação aos tablets, especificamente, a expectativa é que a nova tecnologia de tela chegue primeiro ao iPad Pro de 12,9 polegadas, a ser apresentado possivelmente no primeiro semestre deste ano.

Publicidade

·   •   ·

As apostas, portanto, estão lançadas. O que vocês acham?

via MacRumors

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários