O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

WhatsApp
BongkarnGraphic / Shutterstock.com

Uso do WhatsApp cai no Brasil; Telegram e Signal têm mais downloads em janeiro

As polêmicas de privacidade estão começando a respingar nos números, pelo visto

Parece que as mudanças recentes de privacidade do WhatsApp, mesmo adiadas, realmente não pegaram bem aos olhos dos consumidores, especialmente no Brasil. Uma pesquisa recente do Panorama Mobile Time/Opinion Box mostrou que o uso diário do onipresente mensageiro caiu no país ao longo das últimas semanas — apesar de que, em termos gerais, o aplicativo do Facebook ainda é o número um com absoluta folga por aqui.

Publicidade

A estatística mais interessante a se tirar da pesquisa é a da quantidade de pessoas que afirmam utilizar o WhatsApp todos os dias caiu de 95% para 86%; enquanto isso, a parcela de usuários que diz abrir o mensageiro “quase todo dia” subiu de 4% para 9%. A pesquisa foi realizada com 2.026 entrevistados entre os dias 20 e 27 de janeiro; a margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.

Trata-se, com efeito, da primeira vez que o WhatsApp registrou uma queda de usuários diários acima da margem de erro da pesquisa, que é realizada periodicamente pelo Panorama Mobile Time/Opinion Box. Apesar disso, a proporção de usuários que afirmou ter o mensageiro instalado em seus smartphones permaneceu a mesma, em 98%.

Os dados preliminares da pesquisa trazem também algumas informações sobre o uso que os brasileiros fazem do WhatsApp. 74% dos entrevistados afirmaram fazer parte de um grupo familiar, indicando que este é um dos principais atrativos do mensageiro; outros 17% disseram não estar no grupo familiar, enquanto 9% afirmaram que suas famílias não possuem um grupo no WhatsApp.

Publicidade

Em termos profissionais, o aplicativo também é forte: 54% dos usuários fazem parte de um grupo de trabalho no WhatsApp, enquanto 20% não participam; 6% disseram não haver um grupo do trabalho no mensageiro, enquanto 18% estão desempregados no momento.

Em termos gerais, 14% dos usuários participam atualmente de um grupo centrado em alguma discussão ou ideologia política. E pasmem: 4% dos entrevistados disseram que já pagaram para entrar em um determinado grupo.

Telegram supera rival em downloads

Os dados completos da pesquisa mais recente da Panorama Mobile Time/Opinion Box serão divulgados apenas na segunda quinzena de fevereiro, mas enquanto isso a Sensor Tower trouxe uma outra informação — esta, em escala global — que indica o momento desfavorável do WhatsApp: o Telegram superou o mensageiro do Facebook em downloads nas lojas de aplicativos.

Sensor Tower sobre apps mais baixados em janeiro de 2021

Aliás, mais que isso: o Telegram foi o aplicativo (fora os jogos) mais baixado do mundo durante o mês de janeiro, enquanto o Signal ficou em terceiro e o WhatsApp contentou-se com o quinto lugar — o que indica, no mínimo, uma boa quantidade de usuários procurando alternativas ao serviço do Facebook.

Considerando apenas os downloads da App Store, o TikTok foi o líder de janeiro, mas o Telegram ainda assim superou o WhatsApp — o mensageiro russo ficou em quinto lugar nas paradas, enquanto o WhatsApp ficou na sétima colocação. O Signal foi o décimo app mais baixado entre os usuários de iPhones e iPads.

Publicidade

E vocês, permanecem fiéis ao famigerado zap ou estão buscando alternativas?

via Tecnoblog

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
AirPod engolido por homem do Massachusetts

Homem dorme com AirPods nos ouvidos… e acaba engolindo um deles

Próximo Artigo
lumen., jogo no Apple Arcade

Quebra-cabeças lumen. é a novidade do dia no Apple Arcade

Posts Relacionados