O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Homem usando iPhone 12 Pro Max
Mr.Whiskey / Shutterstock.com

Estudo: 40% dos estudantes são viciados em smartphones

Um estudo publicado nesta semana na Frontiers in Psychiatry revelou que 40% dos estudantes universitários são viciados em seus smartphones — e têm, por isso, a pior qualidade de sono.

Publicidade

Em 2019, pesquisadores do King’s College London, no Reino Unido, entrevistaram 1.043 alunos com idades entre 18 e 30 anos sobre o uso de smartphones, incluindo o tempo médio de uso por dia. Eles, então, compararam com o número médio de horas que os entrevistados relataram dormir durante a semana, bem como com a qualidade geral do seu sono.

O estudo constatou que 38,9% dos alunos eram viciados em smartphones. Daqueles com dependência, 68,7% tinham má qualidade do sono, em comparação aos 57,1% dos que não tinham os mesmos hábitos.

Por “viciados”, entende-se que os estudantes: usam o smartphone por mais de cinco horas por dia, não conseguem controlar o tempo que passaram no telefone, se sentem angustiados por não conseguirem acessar o smartphone e se afastam de outras atividades do cotidiano em prol do uso do dispositivo móvel.

Publicidade

Alguns especialistas, entretanto, discordam do termo “dependência/vício em smartphone”, já que isso não é uma condição reconhecida por nenhum órgão de saúde e não há um diagnóstico clínico formal. No entanto, de acordo com o estudo, “o vício em smartphones foi associado a sono insatisfatório, independente da duração do uso” — sugerindo que o período de tempo conectado não deve ser usado como um indicativo para uso prejudicial.

Outro estudo, publicado no Journal of Clinical Sleep Medicine, mostoru descobertas semelhantes na relação entre o uso excessivo de smartphones e o sono em crianças mais novas. Diferentemente da pesquisa anterior, entretanto, essa análise concluiu que o uso excessivo de smartphones está diretamente relacionado a uma redução no tempo total e na qualidade do sono.

É importante observar, porém, que os resultados do estudo não podem ser aplicados à população em geral porque a pesquisa incluiu apenas alunos e adultos jovens.

Fato é que o próprio CEO1 da Apple, Tim Cook, declarou recentemente: “Se você está olhando para o seu dispositivo mais do que para os olhos de outra pessoa, você está fazendo a coisa errada.”

via The Guardian

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Conceito de novo iPad mini

Rumor: Apple poderá lançar "iPad mini Pro" este ano

Próximo Artigo
Novo Apple Pencil

Imagem vazada mostra Apple Pencil brilhante com nova ponta

Posts Relacionados