O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Publicidade da Apple é alvo de reclamações na França

O recurso do iOS chamado Publicidade da Apple, o qual é usado pela companhia para apresentar anúncios aos usuários, está sendo alvo de uma nova reclamação da France Digitale, uma associação francesa que representa diversas empresas. As informações são da Sifted.

Publicidade

A reclamação, apresentada nesta semana à Comissão Nacional de Proteção de Dados (CNIL) do país, se concentra no fato de a Apple não solicitar a permissão de usuários para recolher dados utilizados no recurso supracitado, o qual é responsável por exibir anúncios na App Store, no Apple News e no app Bolsa.

Publicidade da Apple

A Apple se reserva o direito de escolher quem é um “parceiro” e quem é um “terceiro” de maneira arbitrária, uma qualidade que pode mudar com o tempo, sem que o usuário seja informado de tal mudança.

De acordo com as regras de privacidade de dados da União Europeia, todas as empresas devem solicitar permissão para coletar dados de usuários por meio de rastreadores ou de outras ferramentas.

Nem mesmo o fato de a Apple estar prestes a lançar (oficialmente) o recurso App Tracking Transparency (ATT) — o qual limitará a quantidade de dados que rastreadores de terceiros podem coletar sem a permissão de usuários — impediu a France Digitale de levar a reclamação adiante. Segundo eles, isso ainda dará à Apple “uma vantagem quando se trata de publicidade baseada em dados”.

Publicidade

A Apple respondeu à reclamação em uma declaração dada à Bloomberg:

As alegações na reclamação são patentemente falsas e serão vistas pelo que realmente são: uma tentativa fraca daqueles que rastreiam usuários para desviar a atenção de suas próprias ações e enganar reguladores e legisladores. Transparência e controle são pilares fundamentais de nossa privacidade e filosofia, e é por isso que tornamos o App Tracking Transparency igualmente aplicável a todos os desenvolvedores, incluindo a Apple. A privacidade é integrada aos anúncios que vendemos em nossa plataforma sem rastreamento.

Essa não é a primeira vez que a France Digitale faz acusações contra a Apple; em outubro do ano passado, a organização também questionou o controle da Maçã sobre a App Store, ecoando as mesmas reclamações que outras gigantes da tecnologia.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Mulher jogando com headset de AR

Kuo: headset da Apple terá 15 câmeras e "biometria inovadora"

Próximo Artigo
F1 TV Pro

F1 lança seu próprio serviço de streaming no Brasil

Posts Relacionados