O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple teria enganado leakers sobre evento em março (ou não)

Tim Cook
TIME

A Apple é uma empresa que gosta de surpreender seus clientes e, por isso, adora um segredo. Sendo assim, ela não curte nem um pouco ver a proliferação de rumores e até mesmo de vazamentos dos seus produtos. Também não deve gostar nada de ver todas as datas de possíveis lançamentos/eventos sendo compartilhadas por aí antes da hora — lembrem-se que isso pode inclusive afetar um pouco as vendas dos produtos.

Publicidade

Dito isso, vamos ao episódio mais recente da novela envolvendo Apple, leakers, fontes e outros personagens misteriosos: nas últimas semanas, Jon Prosser, “Kang” e @L0vetodream (três leakers com boa credibilidade no mundo Apple) afirmaram que teríamos um evento da Maçã no dia 23 de março e que, nele, veríamos a chegada de novos iPads — possivelmente junto das aguardadas “AirTags”.

Vale ressaltar aqui que, desde o começo desse rumor de evento no dia 23/3, Mark Gurman (da Bloomberg) já havia dito que ele não aconteceria.

Bem, estamos em 18 de março e, se a Apple fosse mesmo realizar um evento na semana que vem, já teria soltado o convite para isso. Ou seja, nada de evento em 23/3. E é aí que entra a polêmica: teria a Apple enganado (de propósito) esses três leakers? Estaria a empresa plantando informações para achar um possível vazador de informações em Cupertino?

Em seu programa no YouTube, Prosser disse que a Apple não mudou a data do evento por conta dos vazamentos e tudo mais. De acordo com ele, a Apple nunca cogitou realizar um evento em março de 2021 — ele inclusive mostrou uma troca de mensagem com uma fonte que, em fevereiro passado, já havia comentado que o evento em questão seria em abril.

Essa tal fonte nunca errou, segundo Prosser. Mas, por ser bem vaga, ele não levou tão em consideração quando outras fontes (aparentemente três) cravaram que o evento aconteceria no dia 23 de março.

Publicidade

É bom frisar que, segundo Prosser, os três leakers que erraram não possuem as mesmas fontes (até porque, se fosse esse o caso, todos teriam a mesma taxa de acerto no Apple Track, o que não é o caso). Para ele, a Apple “plantou” a informação de propósito, para que eles errassem. Gurman, por sua vez, não concorda com isso.

Ele publicou a chamada do artigo do AppleInsider sobre o tema (algo como “Apple provavelmente enviou informação errada sobre o evento do dia 23 de março para enganar leakers“) com um sonoro “Não”. Ou seja, Gurman (que tem ótimas fontes dentro da Maçã) não acredita que a empresa fez isso de propósito.

Quem está certo? Provavelmente Gurman, mas não temos como saber. Por que surgiu a informação de que teríamos um evento no dia 23/3 (aparentemente de múltiplas fontes)? Mais difícil ainda de saber.

Publicidade

O que importa é que Prosser apostou que rasparia a sobrancelha se a Apple não fizesse um evento no dia 23/3.

E fará isso, no próprio dia 23/3, no YouTube — com todo o dinheiro arrecadado do episódio sendo doado para a Wigs for Kids, uma instituição que doa perucas para crianças em tratamento, que têm alguma doença, que sofreram queimaduras, etc.

Resumindo: algo de bom saiu dessa história! E preparem-se para abril! 😊

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
MacBook Pro com Xcode na tela

Projeto malicioso do Xcode ataca desenvolvedores no macOS

Próximo Artigo
Diversidade na Apple

Apple relata bons ganhos de diversidade na sua força de trabalho

Posts Relacionados