O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

360b / Shutterstock.com
Marca da Swatch

Swatch pode registrar frase “One more thing…”, decide juiz

Uma das marcas registradas de Steve Jobs não pertence à Apple, segundo a justiça

Taí um caso que achávamos que já tinha sido morto e enterrado, mas está de volta para assombrar o departamento jurídico de Cupertino: a Swatch ganhou na justiça, mais uma vez, o direito de usar a frase “One more thing…” na sua comunicação — e desta vez, a empresa ganhou também o direito de tentar registrá-la.

Publicidade

Para quem está por fora do contexto, tudo começou em 2019, quando a famosa marca de relógios utilizou a icônica frase — comumente associada a Steve Jobs, proferida sempre que ele tinha um último anúncio a fazer em apresentações — em uma campanha na Austrália. A Apple acionou a justiça para impedir a empresa, mas foi derrotada: a Swatch afirmou ter tirado a inspiração para frase de filmes noir e da série “Columbo”, argumentos aceitos na corte.

Como prosseguimento ao caso, a Swatch tentou registrar a frase para obter os direitos exclusivos do seu uso. A Apple, claro, mais uma vez se colocou contra a relojoeira e, na justiça do Reino Unido, questionou a legalidade do registro. Pois hoje, segundo a Bloomberg, mais uma derrota para a Maçã.

Segundo o juiz Iain Purvis, não há nenhuma ilegalidade na tentativa da Swatch de tentar registrar a frase. O juiz reconheceu que a movimentação da empresa pode ter sido feita simplesmente para “irritar” a Apple, mas que a frase provavelmente foi originada na série “Columbo” e tem, portanto, outras associações além da Maçã.

Publicidade

Vale notar que a decisão judicial não garante, ainda, o registro da frase à Swatch — o juiz Purvis simplesmente determinou que a empresa tem o direito de solicitar o registro, mas ainda não sabemos se ele será de fato concedido pelos órgãos competentes.

De qualquer forma, é provável que a disputa entre a Apple e a empresa suíça continue: como sabemos, as duas companhias têm problemas maiores na justiça, como o questionamento da Maçã sobre o uso do slogan “Tick different” e a objeção da relojoeira sobre o possível registro da marca “iWatch” por parte de Cupertino. O imbróglio ainda vai longe…

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Vídeo: testando o Autopilot do Tesla Model 3 (com Nuno Luz)

Próximo Artigo
App Navigate to Photo

Promoções na App Store: Navigate to Photo, Midori, RAW Power e mais!

Posts Relacionados