O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple bloqueará gravações de termos ofensivos nos AirTags

Infelizmente, parece que o serviço não será oferecido no Brasil

Uma das facetas que nós não esperávamos para o AirTag — mas que faz muito sentido, se você pensar — é a possibilidade de gravar até quatro caracteres na superfície superior de cada rastreador. Trata-se de uma forma simples de adicionar suas iniciais, um acrônimo ou mesmo um pouco de humor aos pequenos dispositivos e torná-los mais… seus.

Publicidade

Se você acha que poderá escrever qualquer coisa no seu AirTag, entretanto, pode ir tirando o seu cavalinho da mer… digo, da chuva. Como já acontece nos iPads e nos AirPods, a Apple bloqueará palavras chulas, termos ofensivos e até mesmo combinações de emojis que resultem em expressões pouco educadas.

Foi o The Verge que comprovou a limitação: ao combinar os emojis de cavalo e cocô, nessa ordem, você gera a expressão idiomática “horseshit” — usada nos Estados Unidos para se referir, de forma um tanto ríspida, a alguém que está falando uma grande besteira ou algo totalmente sem sentido. Pois ao tentar colocar os dois emojis no seu AirTag, a Apple bloqueará a combinação e pedirá que você tente outros termos.

Curiosamente, se você inverter a ordem — cocô + cavalo — não terá qualquer problema, já que a frase “shit horse” não tem nenhum significado chulo além de… bom, cocô de cavalo.

Obviamente, palavras consideradas ofensivas ou de baixo calão também são bloqueadas, como “shit” ou “damn”. Mesmo na página de configuração dos EUA, alguns termos em português são bloqueados, como “puta” (provavelmente por ter o mesmo significado no espanhol).

De qualquer forma, a regra é clara: tenha educação na hora de personalizar seus AirTags. 😜

E o Brasil?

Parece que todo esse caráter de personalização dos AirTags não chegará aqui, no Brasil. Dando uma olhada na página dos rastreadores no site brasileiro da Apple, podemos perceber que não há nenhuma imagem dos dispositivos com as gravações personalizadas ou qualquer seção falando sobre essa possibilidade.

Isso não chega a ser uma surpresa: há alguns anos, a Apple também já tinha removido a possibilidade de fazer gravações personalizadas nos iPads e AirPods por aqui. Em Portugal, por outro lado, a possibilidade continua — e será oferecida para os AirTags, também.

AirTag

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Detalhe no Dock do macOS Big Sur em MacBook

Apple libera primeira versão beta do macOS Big Sur 11.4 [atualizado]

Próximo Artigo
Teclado Magic Keyboard do novo iMac com Touch ID (verde)

Touch ID do novo Magic Keyboard não funcionará com os iPads Pro

Posts Relacionados