O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Mulher trabalhando em iPad Pro com conectividade 5G ao ar livre

Mac e iPad estão em “lados opostos do espectro”, diz Apple

Pelo visto, a Apple quer deixar bem claro que, no futuro próximo, não há chance alguma de o Mac e o iPad se fundirem.

Publicidade

Na semana passada, Greg Joswiak (vice-presidente sênior de marketing global da Maçã) e John Ternus (vice-presidente sênior de engenharia de hardware) já haviam sido bem categóricos ao afirmarem que esse não é o plano da Maçã.

Mais recentemente, em uma nova entrevista para o TechCrunch, eles enfatizaram isso dizendo que o Mac e o iPad “estão em lados opostos de um espectro de pensamento”.

Eles [Mac e iPad] estão em extremos opostos de um espectro de pensamento e a realidade é que nenhum dos dois está correto. Temos orgulho do fato de que trabalhamos muito, muito, muito duro para ter os melhores produtos nas respectivas categorias. O Mac é o melhor computador pessoal, ele simplesmente é. A satisfação do cliente indicaria que é esse o caso, por um longo tempo.

Falando especificamente sobre o novo iPad Pro, Ternus comentou a adoção da tecnologia Mini-LED no modelo topo-de-linha:

Publicidade

Sempre tentamos ter a melhor tela. Estamos indo da melhor tela em qualquer dispositivo como [o iPad], e tornando-a ainda melhor, porque é isso que fazemos e é por isso que amamos vir para o trabalho todos os dias, tudo isso para dar o próximo grande passo.

Sobre a implantação do chip M1 no novo iPad Pro, Jos disse que é com “especificações agressivas” que a Apple “elimina barreiras e abre espaço para novas possibilidades, citando a falta de aplicativos de criação (como o Photoshop) no primeiro iPad Pro e a abundância de softwares desse tipo disponíveis atualmente.

Joswiak também aponta que o mercado de computadores está crescendo e os Macs estão superando os PCs com Windows. Ele diz que a maioria dos clientes que têm um Mac também têm um iPad “porque eles usam a ferramenta certa na hora certa”.

Não é um “ou” outro. A maioria de nossos clientes Mac possui um iPad. Isso é uma coisa incrível. Eles não o têm porque estão substituindo seu Mac, é porque usam a ferramenta certa na hora certa.

Para encerrar a entrevista, Jos explicou por que ele não considera o iPad um “tablet”.

Publicidade

Existem iPads e tablets, e os tablets não são muito bons. iPads são ótimos. Estamos sempre ultrapassando os limites com o iPad Pro […] e então, depois de ver e usar, você não vai se perguntar, você ficará feliz por termos feito isso.

Eles têm que vender o próprio peixe, não é?


iPad Pro (miniatura)
iPads Pro de 11″ e 12,9″ de Apple Preço à vista: a partir de R$9.719,10
Preço parcelado: em até 12x de R$899,92
Cores: cinza espacial ou prateado
Capacidades: 128GB, 256GB, 512GB, 1TB ou 2TB
Lançamento: abril de 2021
Geração: 3ª geração (11″) e 5ª geração (12,9″)

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão por cada venda concluída por meio dos links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Mão tocando no Touch ID do Magic Keyboard do novo iMac M1 colorido

Executivos da Apple explicam design e recursos do novo iMac

Próximo Artigo
Exemplo de influência no ATT

Oferecer incentivo para aceitar rastreamento é proibido, diz Apple

Posts Relacionados