O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

AirTag é invadido (e modificado) com sucesso

Um pesquisador de segurança alemão conseguiu, com sucesso, invadir um AirTag com engenharia reversa do microcontrolador do dispositivo. Aparentemente, essa é a primeira vez que o rastreador da Apple foi invadido, como divulgado pelo The 8-Bit.

Publicidade

O pesquisador, conhecido como Stack Smashing, publicou no Twitter que foi capaz de invadir o microcontrolador do AirTag e modificar elementos do seu software.

Um microcontrolador é um circuito integrado usado para controlar dispositivos geralmente por meio de uma unidade de processamento e memória. Mais especificamente, esses componentes são otimizados para aplicativos incorporados que requerem “funcionalidade de processamento e interação ágil e responsiva com componentes digitais, analógicos ou eletromecânicos”.

Com isso, podemos dizer que o AirTag foi “desbloqueado” (ou “jailbroken”), o que permitiria a um cracker decidir o que quer que o dispositivo faça, a partir do seu chip NFC1. No vídeo, ele compara um AirTag normal a um dispositivo modificado.

Enquanto o AirTag “comum” abre o sistema do app Busca (Find My), o rastreador modificado abre uma URL qualquer — a qual poderia ser usada para phishing ou qualquer outro tipo de ataque/invasão.

Publicidade

Por enquanto, temos que esperar para ver se a Apple implementará um mecanismo de bloqueio para evitar que um AirTag modificado acesse a rede Buscar — já que impedir o rastreador de ser invadido, a nível de hardware, é algo bem mais complicado.


AirTag (miniatura)
AirTag de Apple Preço à vista: a partir de R$332,10
Preço parcelado: em até 12x de R$30,75
Característica: rastreador (Bluetooth e UWB)
Pacotes: uma ou quatro unidades
Lançamento: abril de 2021

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão por cada venda concluída por meio dos links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Modem 5G da Apple

Kuo: modem 5G da Apple equipará iPhones de 2023

Próximo Artigo
Teste de bateria do iPhone 12 Pro Max - DXOMARK

iPhone 12 Pro Max é o 4º em teste de bateria do DXOMARK

Posts Relacionados