O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Ex-executivo da HTC é agora designer de produtos da Beats

Scott Croyle, ex-designer da HTC que entrou para a Apple

Há alguns meses, nós comentamos um rumor de que a Apple estaria planejando matar a marca Beats de forma gradual. Na visão do leaker Jon Prosser, a marca AirPods seria mais significativa e valiosa e, por isso, em algum momento, a Maçã passaria a investir somente nela.

Publicidade

O 9to5Mac rebateu esses rumores em uma reportagem, alegando que acabar com a Beats “não era uma estratégia que a Apple planeja seguir” ou sequer considerava.

Pois hoje, conforme apurado por eles, algumas novidades do alto escalão da empresa vieram à tona. Na verdade, em vez de descontinuar a Beats, a gigante de Cupertino contratou um designer para supervisionar os produtos da marca — algo, até então, inédito.

Seu nome é Scott Croyle e ele é bastante famoso no mundo Android, já que foi responsável por liderar a equipe de design da HTC. Croyle esteve à frente de sucessos como o HTC One M7 (de 2013) e o M8 (lançado um ano depois), mas saiu da empresa para iniciar a sua própria.

Publicidade

O 9to5Mac revelou que o designer foi contratado pela Apple no ano passado. E, diferentemente do esperado, a parceira Ammunition continuará auxiliando no desenvolvimento de produtos da Beats e na identidade da empresa — Croyle será o elo entre as companhias.

Um fato curioso, apontado pelo leitor Vitor Aleksandr, é que a HTC já foi “dona” da Beats. Contudo, em setembro de 2013 a empresa de smartphones confirmou que venderia suas ações até o fim daquele ano. Dessa forma, Croyle já deve ser um conhecido pela equipe da Beats — isso, claro, se atualmente ainda existirem pessoas daquela época trabalhando por lá.

Quando podemos esperar novos produtos, afinal?

É difícil cravar uma data precisa. No entanto, uma fonte contou ao 9to5Mac que a Beats tem estudado produtos de outras marcas, como alto-falantes. Ainda assim, o maior foco da empresa são mesmo os fones de ouvido.

Publicidade

O site também afirmou que uma nova linha de produtos já está em preparo. Isso quer dizer que poderemos ver em breve a primeira grande atualização de seus alto-falantes, já que o Beats Pill+ foi lançado em 2015 e está esquecido desde então.

Vale lembrar também que, até hoje, apenas os fones mais recentes da marca contam com os chips W1/H1 da Apple, permitindo benefícios e integrações com iPhones, iPads e Macs — tal como a linha AirPods. Assim, ver um alto-falante portátil Beats com esse chip da Apple seria, sem dúvidas, muito interessante.

O último lançamento da empresa foi em outubro do ano passado, os Beats Flex. Os fones custam R$580 no Brasil e prometem 12 horas de bateria. Em contrapartida, os tão amados urBeats3 foram descontinuados.

Publicidade

Veremos as surpresas que nos aguardam!

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Apple Via del Corso

Apple Store da histórica Via del Corso, em Roma, está quase inaugurando

Próximo Artigo
Trabalhadores da Hon Hai/Foxconn

Fabricante de iPhones alerta: escassez de chips vai piorar nos próximos meses

Posts Relacionados