O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

AirBuddy

AirBuddy 2.4 chega com alertas personalizáveis de baterias

Em novembro do ano passado, o brasileiro Guilherme Rambo anunciou a nova versão do utilitário AirBuddy. Além de melhorar o que já era bom, a atualização chegou com grandes novidades, tais como uma nova interface, ações rápidas, nova janela para a barra de menus, widget para o macOS Big Sur e estatísticas de uso da bateria dos fones.

Publicidade

Hoje, ele liberou a versão 2.4 do app com uma adição mais que bem-vinda: alertas de baterias. Agora, usuários receberão notificações quando seus dispositivos estiverem com a bateria baixa ou, por outro lado, quando estiverem recarregando e a bateria atingir 100%.

Mas se você acha que o recurso é apenas “mais do mesmo”, está muito enganado! Como tudo o que Rambo faz, sempre há um diferencial: usuários podem escolher se querem (ou não) receber os alertas, bem como personalizá-los.

Como parte da customização, é possível escolher a porcentagem da bateria para que a notificação seja disparada e até a forma como elas aparecerão — em um estiloso modo circular (tal como o widget Baterias no iOS) ou o padrão do macOS. Os alertas, claro, são sincronizados em todos os seus Macs.

Notificação de bateria do AirBuddy

Fora esse novo recurso, agora o AirBuddy permite que você se conecte ao seu dispositivo favorito diretamente pelo ícone na barra de menus, além de suportar os recém-lançados Beats Studio Buds e o novo Magic Keyboard com Touch ID (que acompanha o iMac de 24″). Melhorias pontuais e correções de erros também foram implementadas, é claro.

Se você já possui o AirBuddy 2, a atualização já está disponível; para quem ainda não usa, o AirBuddy 2 custa US$10 — porém, para brasileiros, só R$20! 😀

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Render de "iPhone 13 mini"

Rumor: linha "iPhone 13" não terá opção de 1TB

Próximo Artigo
Imagem da série "Ted Lasso" do Apple TV+

"Ted Lasso", do Apple TV+, ganha Prêmio Peabody

Posts Relacionados