O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Museu da Apple na Holanda contará histórias dos produtos da empresa

Serão mais de 5.000 itens da Maçã
Apple Museum

Cada um de nós tem um espaço no coração reservado para aquele produto da Apple que mais nos chama a atenção. Talvez seja um Mac (aquele que nos introduziu à linguagem dos computadores pessoais); talvez seja um iPod (aquele que trouxe mais músicas para o nosso dia a dia); ou, quem sabe, o iPhone (aquele que ditou a tendência para os smartphones como conhecemos hoje).

Publicidade

Seja qual for o produto, ele foi meticulosamente desenhado, projetado, testado e demarcado com uma maçã, e então, enviado para as mãos de milhares de consumidores ao redor do mundo. De fato, existem certas pessoas que apreciam tanto essas peças a ponto de guardá-las, colecioná-las e, nesse caso, expô-las.

Ed Bindels, fundador da Amac (a maior revendedora e assistência técnica de produtos Apple dos Países Baixos) é o criador do Apple Museum, um museu com mais de 5.000 produtos cobrindo a história da Maçã, desde 1977 até hoje.

Minha necessidade de colecionar começou cedo […] Antes de fundar a Amac, em 2005, eu já tinha um Macintosh portátil no sótão. “Portátil” é relativo, dada a pesada bateria de chumbo. É ótimo compará-lo ao lado de MacBooks atuais.

Leilão: Macintosh Portable M5120
Macintosh Portable M5120

Durante a pandemia, Bindels aproveitou para adicionar novos produtos da Apple à sua coleção. Suas peças se juntarão às do recém-fechado Apple Museum da região de Drenthe, em uma coleção de produtos raros e que agora também incluirá uma biblioteca completa de manuais, pôsteres e praticamente todos os softwares que a Apple já lançou.

O museu contará não só com modelos de Macs, como também de iPods, iPhones, iPads e outros aparelhos expostos em ordem cronológica, contando suas histórias e como foram revolucionários para o seu tempo.

Protótipo de Macintosh com drive de disquete "Twiggy"
Macintosh 1984

A exposição, no entanto, carece de algumas peças mais singulares, como o Apple I (o primeiro computador da Maçã construído em 1976 pelo seu cofundador Steve Wozniak), assim como o Apple Lisa I, o NeXT Cube e o Macintosh TV.

O museu será aberto em 2022, no shopping The Wall (na cidade de Utrecht). Quem sabe, quando pudermos voltar a viajar, não dê para dar uma passada lá?… ✈️

Publicidade

De qualquer forma, pode-se esperar que essa seja uma coleção e tanto! O Apple Museum mostrará o cuidado e a atenção aos detalhes da Maçã desde o pensamento à construção de seus mais variados produtos.

E para você, qual é o produto da Maçã que mais lhe marcou? Para mim, foi o iPod nano de quarta geração. 😉

via Lets Go Digital

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Camisa do AFC Richmond, de "Ted Lasso"

Warner começa a vender produtos oficiais de "Ted Lasso"

Próximo Artigo
Nubank

Nubank ganha suporte ao Wallet e se prepara pro Apple Pay [atualizado]

Posts Relacionados