O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Header da página do iOS 15 no site da Apple

Usuários veem iOS 15 decepcionante; 40% querem iPhone sem numeração

A pesquisa quis saber também quais são os recursos mais e menos aguardados pelos usuários nos novos sistemas

O que você achou do iOS 15? E do iPadOS 15? Ao menos aqui na minha bolha, me parece que a opinião geral foi de uma certa insatisfação com as novidades apresentadas nos sistemas — houve quem dissesse, inclusive, que os updates deveriam se chamar “iOS/iPadOS 14.8”, e não representar um salto completo de geração.

Publicidade

É fato que a percepção dos nossos arredores não pode ser considerada amostra científica, mas uma pesquisa recente da SellCell indicou que essa insatisfação com os novos sistemas da Apple pode, sim, ser ampla. A empresa fez um questionário online com mais de 3.000 usuários de iPhones e iPads nos Estados Unidos e chegou à conclusão de que mais da metade deles não curtiu muito as novidades de software.

Mais precisamente, a pergunta foi: “Qual o seu grau de animação com o iOS/iPadOS 15?” 4% dos entrevistados disseram estar “extremamente animados” com o update, enquanto 15,3% estão “muito animados” e 28% dos usuários estão “um tanto animados”. Mais da metade dos usuários estão pouco ou nada animados — 30,5% afirmaram estar “levemente animados”, enquanto 22% não estão nada afoitos pelas novidades.

A pesquisa perguntou também qual era a novidade favorita das atualizações para cada um, e o recurso que saiu no topo (com 23% das respostas) foi a possibilidade de armazenar documentos de identidade no aplicativo Wallet (que passará a se chamar Carteira, aparentemente) — algo que só estará disponível nos EUA, a princípio.

Pesquisa da SellCell sobre iPhones e iOS

Confiram abaixo os cinco recursos mais e menos citados:

Os cinco mais

  • Novo aplicativo Wallet com armazenamento de documentos de identidade (23%)
  • Buscas mais poderosas no Spotlight (17,3%)
  • Novo recurso no Buscar para rastrear dispositivos desligados ou restaurados (14,2%)
  • Recurso SharePlay para compartilhar mídias e tela em chamadas do FaceTime (10,1%)
  • Recurso Live Text para extrair texto de imagens (9%)

Os cinco menos

  • Mapas melhorados com mais detalhes de transporte público e rotas em realidade aumentada (0,4%)
  • Aplicativo Saúde atualizado com risco de queda, compartilhamento seguro de dados e mais (0,7%)
  • Novidades do iMessage, incluindo o recurso “Compartilhado com Você” (0,9%)
  • Outros (1,1%)
  • Recurso Legado Digital para designar um herdeiro à sua conta do iCloud (1,4%)

Sobre o Legado Digital (Digital Legacy), especificamente, os usuários ficaram divididos: pouco mais da metade (53,1%) dos entrevistados disse estar “confortável” em deixar o acesso a seus dados a um ente querido após a morte, e a outra parte disse não se sentir bem com essa atribuição.

Pesquisa da SellCell sobre iPhones e iOS

A maioria dos usuários (71%) afirmou que o recurso seria mais útil caso fosse possível controlar quais tipos de dados seriam disponibilizados após as suas mortes. Sobre os tipos de dados, a SellCell perguntou quais deles os usuários prefeririam *não* disponibilizar — e os campeões foram histórico de navegação (27,3%), mensagens (16,4%), senhas das Chaves do iCloud (13,7%), histórico de compras (12,1%) e informações de cartões de crédito (9,2%).

Sobre recursos que deveriam ter sido adicionados aos novos sistemas, 32,3% dos usuários citaram widgets interativos como a novidade que faltou às atualizações. Também foram citados a tela sempre ativa para relógio e notificações (21%), ferramentas profissionais — como o Xcode e o Final Cut Pro — no iPad (14,9%) e um melhor suporte a monitores externos nos tablets da Maçã (13,2%).

“iPhone 13” ou “iPhone (2021)”?

Saindo um pouco do âmbito das atualizações e indo para a próxima geração de iPhones, a SellCell fez uma pergunta curiosa: “Como a Apple deveria chamar os seus novos smartphones?” E adivinhem: a resposta mais popular *não* foi “iPhone 13”.

38% dos usuários afirmaram que a Apple deveria passar a nomear seus smartphones da mesma forma que já faz com os Macs e iPads, simplesmente chamando-os de “iPhone” — os deste ano, portanto, chamar-se-iam “iPhone (2021)”. 26% concordaram que “iPhone 13” é a melhor opção, enquanto 13% opinaram que “iPhone 12s” seria a melhor escolha. Até mesmo “iPhone 14” e “iPhone 21” foram citados.

Publicidade

E sabem o motivo dessa divisão nas respostas? A triscaidecafobia — um medo irracional do número 13 (se vocês esperavam uma piada aqui, infelizmente ficarei devendo, pois estou numa fase paz e amor). Acreditem: 18,3% dos usuários entrevistados pela SellCell afirmaram que se sentiriam desconfortáveis caso a Apple escolhesse o nome “iPhone 13” para seus próximos dispositivos.

Vê se pode? 😜

via 9to5Mac

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Apple Watch quebrado

★ Loja do Sapo reduz preço da troca de vidro do Apple Watch e oferece frete grátis na devolução!

Próximo Artigo
Homem que engoliu AirPod

Homem engole AirPod enquanto dormia e passa por endoscopia para recuperá-lo

Posts Relacionados