O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Serena Williams no comercial dos Beats Studio Buds

Serena Williams estrela novo comercial dos Beats Studio Buds

O recado da Apple é claro: os recursos são ótimos, mas é a música que realmente importa

Os Beats Studio Buds já estão entre nós há algumas semanas, mas só nos últimos dias a Apple lançou a campanha de divulgação dos fones — e o foco aqui, como era de se esperar, é a música.

Publicidade

No filmete mais recente da campanha, a maior tenista do mundo, Serena Williams, cita alguns dos recursos dos novos fones da Beats como as oito horas de bateria, o Modo Ambiente e vários outros. Mas para Williams, o que realmente importa é a música — e o fato de que os Beats Studio Buds possibilitam a ela escutar a faixa “Black Magic”, de Kelly Rowland, de uma forma completamente nova.

Williams ressalta, ainda, a mensagem de autoafirmação e valorização às diferenças trazida pela letra da canção. O comercial é assinado com o slogan: “Recursos são uma coisa. O som é tudo.”

Na mesma linha, a Apple já tinha liberado, nos últimos dias, dois outros comerciais — um estrelando o comediante Druski, e outro com o rapper Roddy Rich (que já tinha, aliás, colocado os fones para estrelar um dos seus videoclipes antes mesmo do lançamento).

Ficou legal, não?


Beats Studio Buds
Beats Studio Buds de Apple Preço à vista: R$ 1.619,10
Preço parcelado: em até 12x de R$149,92
Característica: cancelamento ativo de ruído e modo ambiente
Cores: branca, preta ou vermelha
Lançamento: junho de 2021

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão por cada venda concluída por meio dos links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via iPhone in Canada

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Apple libera segunda versão beta do macOS Monterey 12

Próximo Artigo
Suprema Corte dos EUA

Caso Epic: Apple pede ao tribunal que se baseie em decisão da Suprema Corte

Posts Relacionados