O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Consomac
Flexgate de MacBooks Pro

Juiz descarta ação coletiva sobre o #flexgate de MacBooks

Em abril passado, o juiz federal da Califórnia Edward Davila acatou uma denúncia contra a Apple sobre um problema, batizado de #flexgate, em MacBooks Pro que fazia surgir um efeito de “iluminação de palco” no display — o qual era causado por um defeito no cabo flex que conecta a tela à placa-mãe.

Publicidade

Na época, Davila deu seu aval para o processo seguir como uma ação coletiva — podendo incluir, portanto, todos os consumidores afetados pelo problema. O argumento para isso era que a Apple sabia do defeito, mas o negligenciou e até tentou silenciar consumidores afetados.

Agora, a possibilidade de ação coletiva foi descartada pelo próprio juiz. Ele analisou que o defeito apareceu após o período de garantia da empresa, portanto, a Apple não foi obrigada a divulgá-lo — já que isso não era um problema de segurança. As informações são do Law360.

Embora o processo tenha sido descartado, o juiz está permitindo que ele seja revisto. Nesse caso, os demandantes precisarão incluir um argumento de que o problema em questão era um risco à segurança, além de ter que fornecer evidências de que a Apple “sabia com certeza de que o alegado defeito ocorreria”.

Publicidade

Antes da decisão judicial, a ação coletiva buscava a restituição de todos os custos atribuíveis ao reparo ou à substituição dos MacBooks Pro afetados, além de exigir que a Apple expandisse o programa de reparo gratuito para cobrir modelos de 15 polegadas.

A Apple ainda não comentou o caso.

via MacRumors

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Dados sobre aglomeração de transporte público do Google Maps

Google Maps expande informações sobre lotação de ônibus e metrôs

Próximo Artigo
Kanye West

Apple Music exibirá lançamento do novo álbum de Kanye West [atualizado]

Posts Relacionados