O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple marca 40 anos em Singapura com avanços em inovação

Equipe da Apple em Singapura

A Apple está celebrando, nesta semana, quatro décadas de presença em Singapura. Como destacado pela empresa, ao longo desse tempo eles têm trabalhado para promover a criação de empregos, o crescimento econômico, o avanço na educação e a sustentabilidade do meio ambiente no país.

Publicidade

A Maçã contou que chegou à nação em 1981, quando seu primeiro escritório foi inaugurado com apenas 72 funcionários. Naquela época, a companhia tinha sua fabricação focada no Apple II.

Hoje, Singapura é a base da Apple para as operações da Ásia-Pacífico e um centro de inovação e experiência reconhecido mundialmente, com mais de 3.500 colaboradores — como destacado pelo CEO1 Tim Cook.

Estamos comemorando 40 anos em Singapura — o que começou com uma instalação do Apple II em Ang Mo Kio agora cresceu para 3.500 membros da equipe e muito mais. Estamos orgulhosos de fazer parte da comunidade lá e esperamos pelos anos que virão!

Em uma entrevista à Class 95, Cook disse, ainda, que a Apple está “honrada por fazer parte da jornada de Singapura”.

Singapura é realmente como uma segunda casa para nós. Temos escritórios, temos lojas de varejo, incluindo aquela que acabamos de inaugurar em Marina Bay Sands.

No ano passado, eu consegui passar por lá enquanto visitava [Singapura], mas estava tudo fechado na época e mal posso esperar para voltar quando estiver aberto. Sempre fomos uma empresa que focou no futuro, mas é bom sentar e pensar sobre os últimos 40 [anos]. Mas, o mais importante, estamos muito empolgados com os próximos 40.

Além de escritórios e lojas, a Apple também possui programas e iniciativas em curso no país. Há cerca de três anos, a companhia inaugurou lá uma aceleradora focada na linguagem Swift e, mais recentemente, tem apoiado a iniciativa LumiHealth do governo de Singapura, a qual incentiva a prática de atividades físicas.

Lumihealth

Ademais, a Apple possui parceria com o governo de Singapura e a empresa de energia local Sunseap para construir sistemas de energia solar a fim de abastecer quatro unidades e três lojas de varejo da Maçã com energia 100% renovável. De acordo com a empresa, mais de 800 painéis solares foram instalados em edifícios públicos e nas próprias instalações da Apple, gerando 32 megawatts de energia solar para os empreendimentos.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Nova interface de ligação do WhatsApp

WhatsApp começa a liberar nova interface de chamadas no iOS

Próximo Artigo

Vídeo: o que há de novo para teclados externos no iPadOS 15

Posts Relacionados