O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Render: protótipo de case com Face ID que funciona com máscaras

“iPhones 13” poderão ter Face ID que funciona com máscaras, revela Jon Prosser

O recurso já estaria sendo testado por funcionários da Maçã, por meio de uma case especial conectada a iPhones 12

A essa altura, já é praticamente certo que os “iPhones 13” virão com um recorte (notch) superior reduzido, tudo graças à reorganização dos elementos que compõem o espaço. Por outro lado, nada se falou até o momento sobre uma possível evolução do Face ID — até agora.

Publicidade

O famigerado leaker Jon Prosser afirmou hoje, no seu site FrontPageTech, que a Apple está testando uma nova versão do Face ID capaz de reconhecer pessoas de máscara — uma novidade extremamente bem-vinda para tempos pandêmicos, como todos os usuários de iPhones recentes já perceberam.

De acordo com Prosser, o hardware deste (possível) novo Face ID estaria sendo testado por meio de uma case conectada a iPhones 12. A capa contém, na sua parte superior, um conjunto de sensores bastante parecido com o que temos no recorte dos iPhones atuais, mas reorganizado e levemente menor — de dimensões semelhantes, aliás, às que já vimos nos supostos esquemas técnicos vazados dos “iPhones 13”.

Os testes estão sendo realizados com essas cases especiais para que o universo de testadores seja maior — afinal de contas, é muito mais seguro para a Apple distribuir entre seus funcionários capinhas especiais do que os “iPhones 13” em si. As imagens que vocês veem neste artigo são renders criados pela equipe de Prosser a partir de fotos e descrições que eles obtiveram das cases.

Render: protótipo de case com Face ID que funciona com máscaras

Segundo as fontes, a Apple teria pedido aos testadores que usem o Face ID das cases com máscaras e óculos (ou uma combinação dos dois), em ambientes internos e externos. A ideia, pelo visto, é oferecer um sistema mais flexível, que consiga reconhecer o rosto do usuário mesmo com acessórios cobrindo parte das suas feições — sem, entretanto, comprometer a segurança do recurso. Ainda não se sabe, entretanto, quais seriam as tecnologias (de hardware e software) utilizadas pela Apple para atingir esse objetivo.

De qualquer forma, caso a Maçã seja bem-sucedida, os “iPhones 13” passarão a ter um chamariz e tanto na sua lista de recursos. A empresa já tentou mitigar o problema do Face ID com máscaras liberando o desbloqueio dos iPhones via Apple Watch, mas naturalmente a solução não funciona para todos — uma parte significativa dos usuários de iPhones, afinal de contas, não têm o relógio.

Aguardemos, portanto, mais algumas semanas para sabermos se os rumores têm fundamento.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
10 anos do Facebook Messenger

Messenger comemora 10 anos e anuncia novidades

Próximo Artigo
Betas do iOS 15, do iPadOS 15, do macOS Monterey, do watchOS 8 e do tvOS 15

iOS 15, iPadOS 15, watchOS 8 e tvOS 15 chegam às sétimas betas

Posts Relacionados