O melhor pedaço da Maçã.

82% dos usuários de Android não querem migrar pro “iPhone 13”, segundo pesquisa

mokjc / Shutterstock.com
iOS e Android - iPhone encostado em um Android

Uma pesquisa da SellCell publicada hoje mostrou que usuários de smartphones Android estão menos interessados em migrar para o “iPhone 13”, quando o aparelho for lançado. Segundo o estudo, apenas 18,3% dos entrevistados consideram comprar o próximo lançamento da Maçã — uma queda de 14,8% se comparado ao ano passado.

Publicidade

Questionados sobre os motivos que os levariam a considerar a compra, a opção mais votada foi o “suporte mais longo de software” (51,4%), seguido pela “integração do ecossistema Apple” (23,8%). Em terceiro lugar, apareceu a “melhor proteção à privacidade”, com 11,4%.

Fechando o Top 5, usuários de Android que pensam em comprar o “iPhone 13” consideram que o smartphone possui “melhores preços” e “melhores recursos (câmera, especificações, design)”, opções que levaram 5,2% e 4,3% das respostas, respectivamente.

Os entrevistados também foram perguntados sobre os modelos que desejam migrar. A maioria deles disse que escolheria o “iPhone 13 Pro Max” (39,8%), superando por pouco o modelo “normal”, com 36,1%. O terceiro lugar ficou com o “iPhone 13 Pro” (19,5%), e o “iPhone 13 mini” fechou a lista na lanterna, com 4,6%.

Em contrapartida, 81,7% dos entrevistados disseram que não consideram comprar nenhum dos “iPhones 13”. Questionados sobre o motivo de não se interessarem pela próxima geração do smartphone, a “falta do leitor de impressão digital” liderou a lista (31,9%).

Publicidade

A segunda e a terceira colocações ficaram para as opções “o iOS oferece muito pouca personalização” (16,7%) e “não há suporte a sideload (12,8%). Em seguida, 12,1% dos entrevistados responderam que não se interessavam pelo “iPhone 13” porque “smartphones Android possuem hardware melhor”, opção que ocupou a quarta posição.

Surpreendentemente, a polêmica da “varredura CSAM também apareceu e foi o quinto motivo mais votado (10,4%) para os entrevistados passarem longe dos próximos iPhones.

Publicidade

As demais motivações foram completadas pelas seguintes opções:

  • “iPhones são caros” (4,5%)
  • “Prefiro um modelo de iPhone mais antigo” (3,9%)
  • “Prefiro o Google Assistente à Siri” (2,6%)
  • “Falta de multitarefa em tela dividida” (2,3%)
  • “Sem suporte para vários perfis de usuário” (1,5%)
  • “Sem opções dobráveis como o Galaxy Z Fold3” (0,8%)
  • “Função de bloqueio de app ausente” (0,5%)

O levantamento em questão entrevistou mais de 5.000 usuários de Android com 18 anos ou mais, residentes nos Estados Unidos.

Acredita-se que os novos iPhones chegarão com um notch menorsensores de câmera maioresnovos recursos de gravação de vídeobaterias maiores, um display ProMotion (120Hz) exclusivo dos modelos Pro e o chip “A15 Bionic”, agora produzido a partir de uma versão aprimorada do processo de 5 nanômetros.

Publicidade

Se os rumores sobre as datas dos eventos estiverem corretos, tudo indica que eles serão anunciados em 14 de setembro, com sua pré-venda começando em 17/9 e chegando às lojas finalmente em 24/9. Aguardemos, portanto…

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão sobre vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via AppleInsider

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Star+ chega ao Brasil; combo com Disney+ pode sair de graça no Mercado Livre

Próx. Post

Spotify lança recurso para usuários criarem playlists combinadas

Posts Relacionados