O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple e outras podem estar influenciando demais as leis da UE, diz relatório

A Apple foi a quarta empresa do setor que mais investiu em lobbying na União Europeia
Bandeira da União Europeia
Shutterstock.com

Uma pesquisa do Corporate Europe Observatory [PDF] revelou que as empresas do setor de tecnologia são as que mais gastam com lobbying nos países da União Europeia. Isso levantou a questão de que, talvez, essas grandes empresas possuam poder demais de persuasão política.

Publicidade

Historicamente, a Apple sempre investiu relativamente pouco em estratégias de lobbying se comparada a outras empresas. Em 2016, a Maçã gastou cerca de US$5 milhões nos Estados Unidos, enquanto Google e Facebook gastaram respectivamente US$12,8 e US$16 milhões.

Contudo, nos últimos anos, a companhia tem investido cada vez mais nesse setor. Em 2019, os gastos da Apple subiram para US$7,4 milhões.

Isso, em parte, pode ter a ver com a pletora de projetos de lei antitruste contra a Apple e a App Store, os quais vêm surgindo nos últimos anos. Hoje mais cedo, a Coreia da Sul aprovou uma legislação que permitirá métodos de pagamento alternativos na App Store, o que deve abrir um precedente para que outros países façam o mesmo.

Publicidade

Um relatório [PDF] organizado por grupos de transparência e controle de lobistas descobriu que o setor de tecnologia gasta mais em lobby na UE do que qualquer outra indústria, incluindo a farmacêutica e a petroleira.

A Apple ficou em quarto lugar, com US$3,5 milhões — atrás do Google, do Facebook e da Microsoft.

Gastos com lobbying pelas empresas de tecnologia

A preocupação formulada pelo relatório é que esses enormes orçamentos podem estar delineando ou influenciando seriamente as políticas que são aprovadas na Europa.

Por lá, estão em estudo diversos projetos que podem afetar essas grandes empresas, como por exemplo a Lei dos Mercados Digitais (Digital Markets Act), que proibiria lojas digitais e/ou de aplicativos, como a App Store, de oferecerem produtos da própria empresa que mantém a plataforma, criando uma competição mais justa entre grandes e pequenas companhias.

Publicidade

Será que esses projetos serão mesmo aprovados no futuro?

via 9to5Mac

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Atualização do Telegram

Telegram 8.0 chega com diversas novidades!

Próximo Artigo
Remote Numeric Keypad [Pro]

Promoções na App Store: Remote Numeric Keypad [Pro], Infectonator 3: Apocalypse, eXtra Voice Recorder e mais!

Posts Relacionados