O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Linux 5.16 está rodando melhor do que nunca em Macs com M1

O projeto, entretanto, ainda não está disponível para o público
Linux e chip M1
iLounge

Em junho passado, o Linux 5.13 chegou com suporte nativo a Macs com chip M1. Claro, já era possível rodar o sistema operacional a partir de máquinas virtuais, mas foi com essa release que começamos a acreditar que essa empreitada poderia funcionar.

Publicidade

Após alguns meses a mais de desenvolvimento, parece que a equipe do Linux conseguiu trazer ainda mais performance para o seu sistema rodando em ARM. Agora, os criadores do projeto Asahi Linux, que visa trazer o sistema para Macs com Apple Silicon, estão dizendo que finalmente o Linux pode ser “utilizável como um desktop básico” — ou seja, para o dia a dia.

De acordo com o relatório de progresso de setembro, o Asahi Linux está funcionado melhor do que nunca em Macs com M1 — mesmo que eles ainda não tenham acesso à aceleração de GPU1 nessas máquinas. Sobre isso, Hector Martin, idealizador do projeto, disse:

Embora ainda não haja aceleração de GPU, as CPUs2 do M1 são tão poderosas que um desktop renderizado por software é realmente mais rápido nelas.

O maior problema em trazer compatibilidade com a GPU de Macs com Apple Silicon é que o seu SoC3 é totalmente proprietário — algo que dificulta bastante o processo de adaptação dos desenvolvedores.

Nesse meio tempo, os desenvolvedores do Asahi Linux conseguiram mesclar vários drivers (PCIe, USB-C PD, etc.) e ligações (PCIe) para o Linux 5.16. Eles também conseguiram fazer com que o driver pinctrl (controle de GPIO da Apple), o driver I2C, o gerenciamento de energia do dispositivo, o driver NVMe + SART e o driver DCP (controle de vídeo) funcionassem com o sistema.

Publicidade

Infelizmente, ainda não há uma maneira pública de instalar o projeto atual do Asahi Linux em Macs M1, porém os desenvolvedores afirmaram que, “assim que tivermos uma base de kernel estável, começaremos a publicar um instalador ‘oficial’ que esperamos ver mais em uso entre os aventureiros”.

Por ora, o futuro do Linux em Macs com Apple Silicon parece cada vez mais promissor. Nos resta saber, agora, quando uma versão final será oficializada.


iMac de 24 polegadas (azul)
iMac de 24″ de Apple Preço à vista: a partir de R$15.839,10
Preço parcelado: em até 12x de R$1.466,58
Características: chip M1
Cores: azul, verde, rosa, prateado, amarelo, laranja ou roxo
Lançamento: abril de 2021

Mac mini (miniatura)
Mac mini de Apple Preço à vista: a partir de R$7.829,10
Preço parcelado: em até 12x de R$724,92
Características: chip M1 ou Intel
Cores: prateado ou cinza espacial
Lançamento: 2020

MacBook Pro de 13" (miniatura)
MacBook Pro de 13″ de Apple Preço à vista: a partir de R$15.569,10
Preço parcelado: em até 12x de R$1.441,58
Características: chip Intel ou M1
Cores: cinza espacial ou prateado
Lançamento: 2020

MacBook Air (miniatura)
MacBook Air de Apple Preço à vista: a partir de R$11.699,10
Preço parcelado: em até 12x de R$1.083,25
Características: chip M1
Cores: cinza espacial, dourado ou prateado
Lançamento: 2020

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via Tom’s Hardware

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Auto Tone, nova opção de correção inteligente de cores no Adobe Premiere Pro (beta)

Premiere Pro (beta) ganha Auto Tone, corretor inteligente de cores

Próximo Artigo
Hyper 6 in 1 USB-C Hub for iPad

Hyper lança hub USB-C com controles de reprodução para iPads

Posts Relacionados