O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Google Pixel 6

Google lança Pixel 6 e Pixel 6 Pro com preços abaixo da concorrência

A lista de novidades é bem interessante

A estratégia de lançamento dos novos smartphones do Google, o Pixel 6 e o Pixel 6 Pro, tem sido no mínimo inusitada. Depois de diversos vazamentos, a empresa resolveu fazer uma prévia dos aparelhos em agosto passado, mas sem informações importantes sobre especificações, preços ou datas. Agora, o anúncio em si finalmente ocorreu.

Publicidade

Os novos dispositivos do Google já entraram em pré-venda nos Estados Unidos e começarão a ser entregues no dia 28 de outubro. Os preços é que chamam atenção: mesmo representando um novo direcionamento para a linha Pixel, que agora mirará o segmento mais caro do mercado (em especificações, acabamento e recursos), os novos smartphones partirão de US$600 (Pixel 6) e US$900 (Pixel 6 Pro) — valores abaixo dos principais concorrentes da Apple e da Samsung.

Ambos os aparelhos trazem a mesma linguagem de design que causou controvérsia na web, com uma barra preta deveras ressaltada na parte traseira que abriga as câmeras dos aparelhos. Falando nisso, os dois têm uma grande-angular de 50 megapixels com abertura maior, capaz de absorver até 150% mais luz, e uma ultra-angular de 12MP. O Pixel 6 Pro adiciona ainda uma teleobjetiva de 48MP com lente periscópio que oferece 4x de zoom óptico.

Eles serão equipados, como já sabemos, com os novos chips desenvolvidos pelo Google, chamados de Tensor — os processadores tornam os aparelhos 80% mais rápidos que o Pixel 5 e são focados, no maior estilo de Mountain View, no processamento de inteligência artificial.

Google Pixel 6

Os processadores próprios, inclusive, dão vários novos poderes às câmeras dos smartphones. O recurso Magic Eraser, por exemplo, pode apagar objetos indesejados da sua foto, e também é possível ativar modos de exposição longa e motion blur. Eles são capazes de capturar vídeos em 4K a 60 quadros por segundo, com direito ao processamento HDR1 especial oferecido pelos novos chips.

As telas são ligeiramente diferentes. O Pixel 6 tem um painel OLED2 1080p de 6,4 polegadas com taxa de atualização de 90Hz que é completamente plano e tem bordas um pouco mais grossas. O Pixel 6 Pro, por sua vez, tem uma tela de 6,7 polegadas OLED LTPO3 de 1440p e taxa de atualização variável, entre 10Hz e 120Hz. Ambas são protegidas pelo vidro Gorilla Glass Victus.

Google Pixel 6

Outros recursos dos aparelhos incluem 5G, Wi-Fi 6E, Bluetooth 5.2, carregamento sem fio (reverso, inclusive), leitor de digitais na tela, alto-falantes estéreo, certificado de resistência IP68 e chip de banda ultralarga, como o U1 dos iPhones. As baterias são generosas: 4.614mAh para o Pixel 6 e 5.004mAh para o Pixel 6 Pro. Vale lembrar, entretanto, que os dispositivos não virão com adaptador de tomada na caixa — apenas um cabo USB-C.

Google Pixel 6

Os aparelhos já virão com o recém-lançado Android 12, que traz a nova linguagem de design do Google, chamada de Material You. Outros smartphones Pixel (todos do Pixel 3 em diante) também receberão a atualização, bem como aparelhos de fabricantes como Samsung, OnePlus, OPPO e Xiaomi.

Junto aos novos smartphones, o Google lançou também a nova geração do carregador sem fio Pixel Stand. Com design de pedestal, ele pode fornecer até 23W de energia a dispositivos compatíveis (incluindo os novos aparelhos), ou 15W para outros smartphones, e inclui uma ventoinha “quase silenciosa” que mantém o dispositivo fresco em qualquer situação.

E aí, curtiram?

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Postagem de fotos e vídeos no Instagram Web

Instagram anuncia coautoria de posts, postagem pelo desktop e mais

Próximo Artigo
Antena 5G

Quais cidades e operadoras têm a internet mais veloz do Brasil?

Posts Relacionados