O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

s_kaisu / Shutterstock.com
Caixa de iPhones 12

China: estudantes processam Apple por iPhones sem carregador

Eles exigem que a Maçã forneça a peça e pague o equivalente a R$87 por quebra de contrato

Não é só no Brasil que a Apple está enfrentando problemas pela controvertida decisão de retirar o carregador de tomada das caixas dos iPhones. Como informou a VICE, um grupo de universitários chineses moveu recentemente uma ação contra a Maçã pelo mesmo motivo.

Publicidade

Os cinco estudantes, de Pequim e Xangai, não fazem pedidos muito ambiciosos: eles querem apenas que a Apple forneça um adaptador de tomada para uma das integrantes do grupo, que adquiriu um iPhone 12 Pro Max e ficou frustrada com a falta do componente. Eles exigem também um pagamento de 100 yuans (cerca de R$87) por quebra de contrato, além da compensação pelas despesas com o processo.

Na argumentação dos estudantes, uma das justificativas da Apple para a remoção dos carregadores — de que os consumidores já teriam em casa diversos adaptadores de energia — não se aplica, uma vez que foi justamente na família do iPhone 12 que a empresa trocou a outra ponta do cabo Lightning: em vez do USB-A utilizado em quase todas as gerações anteriores, passamos a ter acessórios USB-C. Boa parte dos carregadores que um consumidor eventualmente teria em casa, portanto, seria incompatível com o novo cabo.

Os universitários notam ainda que a mudança foi uma estratégia da Apple para potencializar os seus lucros e direcionar os consumidores ao universo de acessórios MagSafe. Segundo a argumentação, a justificativa ambiental utilizada pela Maçã para a remoção dos acessórios seria apenas uma cortina de fumaça para esses objetivos… menos nobres, por assim dizer.

Publicidade

Em nota, a Apple afirmou que vender smartphones sem carregador na caixa já se tornou uma prática comum na indústria (o que não está errado, já que a empresa iniciou uma tendência que parece ser inevitável), e que a caixa dos iPhones 12 e 13 deixa claro que o pacote não inclui um adaptador de tomada.

Ainda assim, a opinião pública parece estar do lado dos estudantes: o caso viralizou após ser relatado em uma publicação na rede social chinesa Weibo, e milhares de usuários deixaram seus comentários apoiando os pedidos dos universitários. Se a justiça chinesa acatará os pedidos do processo, entretanto, teremos de aguardar para ver.


Miniatura dos iPhones 13 Pro e 13 Pro Max
iPhones 13 Pro e 13 Pro Max de Apple Preço à vista: a partir de R$8.549,10
Preço parcelado: em até 12x de R$791,58
Cores: azul-sierra, prateada, dourada ou grafite
Capacidades: 128GB, 256GB, 512GB ou 1TB
Lançamento: setembro de 2021

Miniatura dos iPhones 13 e 13 mini
iPhones 13 e 13 mini de Apple Preço à vista: a partir de R$5.939,10
Preço parcelado: em até 12x de R$549,92
Cores: rosa, azul, meia-noite, estelar ou (PRODUCT)RED
Capacidades: 128GB, 256GB ou 512GB
Lançamento: setembro de 2021

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via 9to5Mac

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Avenue Card

Cartão de débito da Avenue ganha suporte ao Apple Pay

Próximo Artigo
Teardown do MacBook Pro de 14" feito pela iFixit

Desmonte do novo MacBook Pro revela troca mais fácil da bateria [atualizado]

Posts Relacionados