O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Alexey Boldin / Shutterstock.com
Dropbox

Suporte do Dropbox ao Apple Silicon só deverá chegar em 2022

E as reações dos usuários não estão sendo nada positivas

Entre a cachoeira de empresas e desenvolvedores atualizando seus aplicativos para o Apple Silicon, uma ausência é notável: a do Dropbox — que, mesmo quase um ano após o anúncio do M1, ainda não tinha dado quaisquer sinais de adaptar o seu software para os chips da Apple. Agora, já temos uma expectativa… mas podemos esperar sentados.

Publicidade

De acordo com Drew Houston, fundador e CEO1 do Dropbox, a empresa está trabalhando em uma versão nativa do seu aplicativo para chips M1 [Pro/Max], a ser lançada ainda no primeiro semestre de 2022.

O tweet veio como resposta a uma chuva de críticas de pessoas direcionadas ao Dropbox por conta de um tópico no fórum da empresa. Na seção “compartilhe uma ideia”, um usuário do serviço pediu que a empresa considerasse adicionar suporte ao Apple Silicon nas suas ferramentas de sincronização, apenas para receber uma resposta… não muito agradável de um dos representantes do Dropbox:

Essa ideia vai precisar de um pouco mais de apoio para que nós compartilhemos sua sugestão com nossa equipe.

Em outras palavras, a sugestão do usuário precisaria ganhar um número significativo de upvotes para sequer ser considerada pelo Dropbox. As reações, é claro, foram extremamente negativas: em centenas de comentários, outros usuários de Macs classificaram a condição como “cômica” e “ridícula”, notando que se a empresa quiser continuar operando no universo do macOS, precisa suportar as tecnologias mais recentes dele — sem a necessidade de obrigar os usuários a “votar” por isso.

Publicidade

De acordo com o desenvolvedor Steve Troughton-Smith, adaptar um aplicativo de sincronização de arquivos para a arquitetura do M1 não é a tarefa mais simples do mundo — existem “problemas técnicos” e “negociações” em jogo, especialmente porque a Apple não quer mais empresas de terceiros fazendo extensões de kernel (kexts), as quais ela considera ultrapassadas e inseguras para o macOS.

Por outro lado, o fato é que alguns dos principais concorrentes do Dropbox, como o Google Drive e o Box (além, claro, do próprio iCloud), já oferecem suporte nativo ao Apple Silicon em seus aplicativos. Ou seja, é bom que a empresa cumpra o prometido, ou o risco será de ficar muito atrás dos seus concorrentes na visão dos usuários de Macs mais recentes.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Logo da Apple com dinheiro

Crise de chips e estoques baixos custaram US$6 bilhões à Apple, diz Tim Cook

Próximo Artigo
Teardown do Pano de Polimento da Apple

Pano de Polimento da Apple passa por teardown da iFixit

Posts Relacionados