O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple Business Essentials

Apple revela serviço de gerenciamento e suporte para empresas

O Apple Business Essentials está disponível inicialmente em versão beta, somente nos EUA

É público e notório o esforço da Apple, nos últimos anos, de se aproximar do mercado empresarial — um espaço no qual outras companhias, como o Google e a Microsoft, já nadam de braçada há muito mais tempo. Pois hoje, a Maçã anunciou um novo serviço que, se der certo, pode ser uma das suas maiores cartadas no segmento em muito tempo: o Apple Business Essentials.

Publicidade

Trata-se de um serviço, destinado inicialmente a empresas com até 500 funcionários, que serve como um fiel escudeiro do departamento de TI e tem como propósito configurar dispositivos, adicionar novos profissionais ao ambiente da empresa, realizar o backup dos seus dados, cuidar da segurança dos aparelhos e usuários, além de oferecer suporte, atualizações e reparos aos dispositivos da companhia — desde que esses dispositivos sejam Macs, iPhones e iPads, claro.

O grande apelo da Apple, claro, é a simplicidade da coisa: em vez de ter que lidar com sistemas complexos e que requerem uma verdadeira equipe de profissionais, o Apple Business Essentials reúne tudo numa única tela: com um login, funcionários podem acessar suas máquinas (novas ou já existentes) e ter todos os serviços disponíveis na palma da mão (ou na frente da tela), e tudo pode ser administrado com poucos cliques numa interface simples e intuitiva.

Entre os recursos oferecidos pelo serviço, temos as Collections (Coleções), um conjunto de recursos e aplicativos configurados pela equipe de TI que são aplicadas de uma só vez quando um funcionário faz o login empresarial em sua máquina; posteriormente, novas adições (como apps, senhas Wi-Fi ou configurações VPN1) podem ser enviadas às máquinas conforme desejado pela empresa. Cada empregado terá acesso ao app Apple Business Essentials no seu dispositivo, podendo checar informações, baixar apps corporativos e muito mais.

Naturalmente, segurança é um fator de alta importância no serviço: os profissionais de TI podem ativar recursos como o FileVault, para criptografar todos os dados do Mac, ou o Bloqueio de Ativação para impedir o uso de dispositivos roubados. Se um empregado usa um dispositivo pessoal também para o trabalho, o serviço pode criar duas partições separadas, ambas criptografadas, para os dados pessoais e empresariais do usuário. E o iCloud, claro, encarrega-se de fazer o backup de tudo.

Publicidade

Opcionalmente, as empresas podem ainda adicionar o chamado AppleCare+ for Business Essentials ao serviço. Com ele, as companhias podem obter acesso contínuo (24 horas por dia, 7 dias por semana) ao suporte telefônico da Maçã, além de treinamento para equipes de TI e funcionários, bem como dois reparos de dispositivos por funcionário anualmente. É possível solicitar um reparo no próprio aplicativo do Apple Business Essentials, e um profissional da Maçã chegará ao local do dispositivo em um mínimo de quatro horas para resolver o problema.

Quando lançado oficialmente, o serviço será disponibilizado em três planos:

  • Single Device: um dispositivo e 50GB no iCloud, por US$3 mensais por usuário;
  • Multidevice: até três dispositivos e 200GB no iCloud, por US$7 mensais por usuário;
  • Multidevice, more storage: até três dispositivos e 2TB no iCloud, por US$13 mensais por usuário.

O Apple Business Essentials será lançado oficialmente na primavera (do hemisfério Norte) de 2022 — até lá, a Maçã divulgará também os preços dos planos incluindo AppleCare+. Por ora, o serviço será disponibilizado em fase beta, gratuita, para empresas dos Estados Unidos com até 500 empregados; companhias que queiram participar da fase de testes podem se candidatar nessa página.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Apple celebra 40 anos de França com novo estúdio em Paris

Próximo Artigo
Compras com a Nomad

Black Friday: compre no exterior com o cartão da Nomad e economize!

Posts Relacionados