O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Tim Cook recomenda o Android para quem deseja sideloading

Ontem, noticiamos a fala de Tim Cook sobre seu interesse em criptomoedas e os possíveis planos da Apple para a tecnologia, ocorrida durante uma entrevista no evento NYT DealBook Online Summit.

Publicidade

Mais tarde, na mesma entrevista, o executivo aproveitou para fazer algumas declarações acerca da polêmica de sideloading no iOS, assunto que tem sido o alvo de muitas ações contra a Maçã por monopólio na App Store, principalmente no último ano.

Para o chefão da empresa, usuários que desejam mais liberdade para baixar aplicativos de outras fontes que não a App Store devem migrar para dispositivos Android, que já permitem sideloading. Cook explicou que o iPhone maximiza a segurança e a privacidade dos seus usuários e que a prática abre brechas para abusos nessas áreas.

Para ilustrar seu ponto de vista, o executivo disse que permitir sideloading seria comparável a vender carros sem itens básicos como airbags e cintos de segurança, o que seria “muito arriscado”.

A declaração do CEO1 vem pouco depois de Craig Federighi, vice-presidente sênior de engenharia de software da Apple, afirmar que sideloading se trata do “melhor amigo de um cibercriminoso”, durante uma apresentação na Web Summit 2021, realizada na última semana em Lisboa (Portugal). Na ocasião, o executivo declarou que dar essa liberdade aos usuários os tiraria a opção de continuar com uma plataforma mais segura — no caso, a própria App Store.

No mês passado, a Apple divulgou um documento destacando os riscos que essa prática pode trazer para os usuários, inclusive expondo que, justamente por permitir sideloading, o Android é significativamente mais vulnerável a golpes e malwares do que o iOS.

Publicidade

A fala de Cook, no entanto, não parece ter convencido muitos usuários. Muitos questionam os argumentos da Apple citando o caso do macOS, que sempre permitiu o download de softwares por meio de serviços de terceiros. De qualquer forma, a empresa ainda parece estar determinada a manter as atuais restrições da App Store.

via MacRumors

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Compras com a Nomad

Black Friday: compre no exterior com o cartão da Nomad e economize!

Próximo Artigo
Logo do Instagram no iOS

Instagram testa botão que sugere “fazer uma pausa” do app

Posts Relacionados