O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

PC Gamer
Tim Sweeney

CEO da Epic ataca novamente a Apple e cita loja universal

O CEO1 da Epic Games, Tim Sweeney, voltou a criticar a Apple (e o Google) durante um discurso em uma conferência na Coreia do Sul — além de promover sua ideia de uma loja de aplicativos para todos os dispositivos.

Publicidade

Como divulgado pela Bloomberg, Sweeney explicou que está trabalhando com desenvolvedores e provedores de serviços para criar uma loja de aplicativos que permitirá usuários “comprarem softwares em um lugar, sabendo que os teriam em todos os dispositivos e plataformas”.

O que o mundo realmente precisa agora é uma única loja que funcione com todas as plataformas. No momento, a propriedade de softwares está fragmentada entre a App Store, o Google Play e diferentes lojas no Xbox, no PlayStation e no Nintendo Switch, seguida pela Microsoft Store e pela Mac App Store.

Com relação à Apple, Sweeney destacou a pressão do órgão regulador da Coreia do Sul sobre a companhia e acusou a Maçã de cumprir “as leis estrangeiras opressivas” enquanto “ignorava as leis aprovadas pela democracia coreana”.

A Apple restringe 1 bilhão de usuários em uma única loja e com um único método de pagamento. Agora a Apple cumpre as leis estrangeiras opressivas, que vigiam usuários e os privam de direitos políticos. Mas a Apple está ignorando as leis aprovadas pela democracia coreana. A Apple deve ser interrompida.

O executivo também criticou o Google — nesse caso, chamando a empresa de “maluca”. Quem será que realmente está ficando maluco nesse caso? 🤔

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Cor e tamanho do cursor no macOS

Ajustes do cursor seriam culpados por vazar memória em Macs

Próximo Artigo
Verificação com selfie em vídeo no Instagram

Instagram agora requer selfies em vídeo para checar identidade

Posts Relacionados