O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

iOS 15.2 beta traz detalhes sobre plano de voz do Apple Music

Uma das primeiras novidades apresentadas pela Maçã no evento, ocorrido em outubro passado, foi a chegada da Assinatura Voice (Voice Plan) para o Apple Music, uma espécie de plano mais acessível o qual permite que o usuário controle o serviço apenas pela Siri.

Publicidade

Embora a Apple tenha se esforçado para explicar como a nova assinatura funcionará durante a apresentação, muita gente achou a proposta um tanto… confusa e, em alguns casos, estranha. Nós mesmos chegamos a publicar um artigo na época que tentava explicar a proposta do Voice Plan de forma mais clara.

Hoje, no entanto, o MacRumors divulgou uma série de capturas de tela obtidas pelo desenvolvedor Steve Moser que mostram com mais detalhes como a interface do serviço se comportará caso o usuário opte pela nova assinatura. As imagens em questão foram retiradas da versão Release Candidate do iOS 15.2, que saiu ontem.

Interface do plano de voz do Apple Music

Como esperado, não é possível controlar a reprodução e nem pesquisar por faixas no pelo aplicativo Música. Caso o usuário tente realizar alguma dessas ações sem recorrer à Siri, um aviso surge na tela pedindo para que ele use a assistente virtual ou faça o upgrade para o plano padrão do serviço. Em contrapartida, o serviço adiciona uma uma seção intitulada “Just Ask Siri” que busca ensinar a como pedir por músicas usando a assistente virtual.

Publicidade

Mesmo com essas limitações, o usuário ainda tem acesso ilimitado às mais de 90 milhões de faixas do Apple Music, podendo, inclusive, pular quantas músicas quiser, acessar playlists personalizadas e ouvir o Apple Music Radio.

Interface do plano de voz do Apple Music

Assinantes do plano de voz não poderão escutar faixas com Áudio Espacial (Dolby Atmos) e nem com qualidade de áudio Lossless, que permanecem exclusivas da assinatura mais cara do serviço. Além disso, não será possível fazer o download das músicas e nem assistir a videoclipes, assim como ler as letras das faixas.

A Assinatura Voice do Apple Music estará disponível inicialmente em 17 países e regiões. Entre elas, estão: Alemanha, Austrália, Áustria, Canadá, China, Espanha, Estados Unidos, França, Hong Kong, Índia, Irlanda, Itália, Japão, México, Nova Zelândia, Reino Unido e Taiwan. O plano, infelizmente, ainda não tem previsão de lançamento no Brasil e em Portugal.

O Apple Music conta com um catálogo de mais de 90 milhões de músicas e 30 mil playlists — muitas delas com suporte a Áudio Espacial (Dolby Atmos) e em altíssima definição, com áudio Lossless. No Brasil são três tipos de assinatura: Universitária (R$8,50/mês), Individual (R$16,90/mês) e Familiar (R$24,90/mês). Caso você não seja um assinante, pode testar o serviço de forma gratuita por três meses. Ele também faz parte do pacote de assinaturas da empresa, o Apple One.


Ícone do app Música
Música de Apple
Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple Watches
Versão 2.5 (1.9 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
iOS 15 em iPhone

iOS 15 já está instalado em quase 60% dos iPhones ativos

Próximo Artigo
Câmeras traseiras do iPhone 13

iPhone 13 foi o smartphone mais popular do Brasil no Google em 2021

Posts Relacionados