O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Operadoras europeias querem banir o Private Relay do iCloud+ [atualizado 2x]

Retransmissão Privada

Disponível ainda em versão beta para usuários do iCloud+ no iOS 15, o recurso Retransmissão Privada (Private Relay) segue reunindo críticos — desta vez na Europa, onde algumas operadoras estão unindo forças para bloquear o recurso na região. As informações são do The Telegraph.

Publicidade

O grupo de operadoras, que inclui a Vodafone e a T-Mobile, assinou uma carta aberta na qual é afirmado que o recurso do iCloud+ “os impede de obter dados vitais da rede” e que isso afetará a capacidade das empresas de “gerenciar com eficiência as redes de telecomunicações”.

Como informamos, a Retransmissão Privada foi projetada para ocultar seus hábitos de navegação online para que ninguém — nem mesmo a Apple — possa ver os sites que você visita dentro do Safari. Ao ocultar essas informações, fica mais difícil para as empresas rastrear sua atividade online e criar perfis que possam ser usados para veicular anúncios direcionados a você.

Algumas operadoras, incluindo a O2, já apresentaram queixas aos órgãos reguladores europeus — outras empresas começaram a desativar o recurso enquanto usuários navegam na web usando seu plano de dados do celular, de acordo com as informações.

Publicidade

Vale notar que a disponibilidade do recurso já é limitada em algumas regiões, como China, Bielo-Rússia, Colômbia, Egito, Cazaquistão, Arábia Saudita, África do Sul, Turcomenistão, Uganda e Filipinas, onde existem leis que impedem a sua implementação.

via 9to5Mac

Atualização10/01/2022 às 16:13

Além da Europa, parece que a T-Mobile também está bloqueando o recurso quando usuários estão conectado à sua rede móvel nos Estados Unidos.

@TMobileHelp mas o que? Por que você está nos impedindo de usar a Retransmissão Privada do #iCloud da @Apple?

A mudança não parece ser em toda a rede ainda, mas parece que a T-Mobile está implantando a restrição — isso significa que alguns usuários ainda podem usar o recurso quando conectados à rede celular, pelo menos por enquanto.

via 9to5Mac

Atualização II 11/01/2022 às 10:35

De acordo com o The T-Mo Report, a suposta restrição da T-Mobile ao acesso da Retransmissão Privada se deve, na verdade, a um conflito com os serviços de filtragem de conteúdo da operadora.

Publicidade

Mais precisamente, segundo a prestadora de serviços, clientes com recursos de filtragem e bloqueio de conteúdo, como o Web Guard da T-Mobile, não poderão usar o recurso proprietário da Apple.

Documento da T-Mobile sobre a Retransmissão Privada

Veremos, portanto, como a Apple lidará com a situação de incompatibilidade com serviços de terceiros; afinal, por mais que haja o conflito entre os serviços, usuários e consumidores têm direito a ambos os recursos — seja o da Maçã ou o da operadora.

via Daring Fireball

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Spotify

Spotify HiFi atrasa e ainda não tem previsão de lançamento

Próximo Artigo
iPad de nona geração em Apple Store

BOE poderá fabricar telas OLED de até 15" para futuros iPads

Posts Relacionados