O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

iPhone e carregador
nodi.jpg / Shutterstock.com

Apple terá que fornecer carregador de iPhone a cliente em SP

Mais uma vez, a justiça considerou a prática da Apple como venda casada

E a saga jurídica dos iPhones vendidos sem carregador continua no Brasil: além das notificações e multas recebidas pela Apple de alguns Procons ao redor do país, determinados consumidores também foram à justiça para requerer o item — alguns com sucesso, outros não. Hoje, mais um caso no qual o cliente saiu vitorioso veio à tona.

Publicidade

De acordo com o Migalhas, o Colégio Recursal de Itanhaém (São Paulo) decidiu recentemente que a Apple deverá fornecer o carregador a um cliente que adquiriu um iPhone 12 Pro Max de 128GB, no valor de R$6.998,99.

Assim como outras decisões já emitidas anteriormente, o órgão considerou a prática da Apple como venda casada, pois o adaptador de tomada seria imprescindível para a utilização do produto. Na ação, o cliente pediu ainda uma compensação por danos morais — esta, entretanto, foi negada.

Como afirma a decisão:

Publicidade

Não tendo havido a entrega do acessório essencial juntamente ao produto, cabível a condenação na entrega do carregador. Ocorre que apesar de se reconhecer que o produto não foi entregue, não é hipótese de se reconhecer direito à compensação por danos morais. A situação vivida pelo autor não ostenta gravidade a justificar a condenação por tais danos. O fato que restou comprovado nos autos não é capaz de gerar no autor dor intrínseca a justificar sua compensação.

A Apple não contestou a decisão de 1º grau no prazo definido e, ao tentar entrar com recurso contra a decisão em segunda instância, teve o pedido negado. Com isso, a empresa terá de fornecer o adaptador de tomada ao comprador do iPhone 12 Pro Max.

iPhones 13 Pro e 13 Pro Max iPhones 13 e 13 mini

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

dica do Johnata Goulart

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Segunda temporada de Central Park

Apple TV+: 2ª temporada de “Central Park” continuará em 4/3

Próximo Artigo

Apple TV+: novo comercial destaca estrelas do serviço

Posts Relacionados