O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Comparativo: CleanMyMac X vs Washing Machine

Limpeza do Mac: CleanMyMac X ou Washing Machine?

Quando se tratam de ferramentas de limpeza do Mac, qual delas se sai na frente?

Ao passo que utilizamos diariamente nossos Macs, é comum que arquivos, muitas vezes indesejados, se acumulem e ocupem grande parte do espaço disponível em nossas máquinas. E quem tem tempo pra selecionar arquivo por arquivo e fazer aquela limpa mais do que necessária? Pois é, nem eu.

Publicidade

É aí que entram alguns softwares projetados exatamente para essa função: escanear, selecionar e apagar aqueles arquivos que, além de ocuparem espaços preciosos em nossos Macs, podem estar deixando-os mais pesados e lentos.

Como existe uma quantidade imensa de aplicativos com essa mesma função, resolvemos comparar aqui duas opções bem conhecidas/interessantes disponíveis no mercado: o CleanMyMac X (da MacPaw) e o Washing Machine X9 (da Intego).

Ambos possuem a mesma premissa, porém com algumas diferenças cruciais e funções adicionais as quais poderão lhe fazer escolher um sobre o outro. Vamos ao comparativo?

Interface

Pois bem, comecemos então pela interface dos apps. Ambos possuem um design clean, que vai direto ao ponto.

Publicidade

O CleanMyMac X traz um design bem modernoso, jovial e colorido. Em contrapartida, o Washing Machine X9 tem um design bem básico, mas que se assemelha bastante a uma máquina de lavar — vide o nome.

Interface do CleanMyMac XInterface do Washing Machine

Neste quesito, não há o que comparar, o CleanMyMac X leva a melhor. Ele não é apenas mais prazeroso visualmente, como também organiza seus recursos em um menu lateral bem mais fácil de entender — apesar, como dá para ver, da grande variedade de opções.

Ferramentas de limpeza

Como dito, apesar de os dois softwares contarem com o mesmo propósito, eles possuem ferramentas diferentes para atingir tal finalidade. Vamos por partes.

Washing Machine

O Washing Machine é um aplicativo um pouco mais simples (e menos completo, diga-se) do que o CleanMyMac X, mas isso não significa que ele não conte com as ferramentas necessárias para que você faça uma bela limpeza no seu Mac.

Publicidade

As ferramentas são as seguintes:

Publicidade
  1. Reclaim: essa opção procura por arquivos desnecessários/pouco utilizados no seu Mac. Uma vez completo o escaneamento, você pode selecionar os arquivos os quais deseja remover ou, melhor, determinar alguns parâmetros para que eles sejam excluídos automaticamente. Com essa ferramenta, você pode deletar conteúdos da pasta Downloads e do Lixo, bem como caches, idiomas e logs guardados na máquina.
  2. Duplicates: como o próprio nome já diz, essa opção analisa e seleciona arquivos duplicados no seu sistema baseados no nome, na extensão e na data de criação do arquivo. De novo, uma vez selecionados, basta um clique para limpá-los.
  3. Organize: essa opção permite mover arquivos de forma automática ou manual de uma pasta para a outra, a fim de mantê-las organizadas. Ela também permite a criação de pastas inteligentes, as quais oferecem acesso rápido a arquivos usados com frequência.

Com a ferramenta Reclaim, você ainda pode selecionar três modos de limpeza: “Seguro”, “Padrão” e “Agressivo”. Cada um deles apaga uma quantidade determinada de arquivos, de acordo com os seus parâmetros.

O “Seguro” apaga somente downloads mais antigos que duas semanas, por exemplo. Já o “Agressivo”, downloads mais antigos que um dia.

Também achei bem útil a ferramenta de selecionar duplicatas, que pode ser uma mão na roda para aqueles que guardam várias versões do mesmo arquivo e, muitas vezes, se esquecem de apagar aquelas que não lhe são mais úteis.

Em menos de dois minutos, o WM analisou meu Mac por completo e eu consegui liberar mais de 10GB de arquivos duplicados. 😳

CleanMyMac X

O CleanMyMac X, por sua vez, divide suas opções de limpeza entre “Sistema”, “Anexos do Mail” e “Lixos”. Elas são parecidas com as do Washing Machine, mas eu diria que um pouco mais fáceis de entender.

A opção “Sistema”, particularmente, eu achei bem melhor do que a “Reclaim” (do WM), pois ela não só analisa os arquivos presentes na pasta Downloads como em todo o sistema — conforme seu nome prevê.

Achei interessante, também, que essa opção separa imagens de disco (DMG) que não estão em uso no seu sistema, para que você selecione aquelas que deseja apagar logo da sua máquina.

Onde notei uma das maiores diferenças entre os dois foi na aba de limpeza da caches, que no caso do CleanMyMac X, é bem mais fácil de entender e alinhada à linguagem visual do macOS.

Ainda dentre as ferramentas de limpeza, temos as opções:

  1. Lupa de Espaço: essa opção permite que você compare rapidamente o tamanho das pastas em seu Mac e limpe arquivos indesejados.
  2. Fundo do Baú: já essa encontra aquelas pastas no seu Mac que não são abertas há muito tempo e que podem estar ocupando um espaço precioso.
  3. Triturador: opção que lhe permite remover pastas e arquivos indesejados rapidamente, sem deixar vestígios.

Como dito anteriormente, o CleanMyMac X é bem mais completo do que o Washing Machine. Além das opções de limpeza, temos opções para remoção de malwares, do histórico e de atividades online, de controles de otimização e de manutenção do Mac, além de uma ferramenta para atualizar/desinstalar aplicativos e extensões.

O CleanMyMac X ainda conta com a função “Análise Inteligente”, que analisa diversos detalhes do seu Mac relacionados a limpeza, segurança e velocidade.

Caso alguma dessas funções extras lhe pareça útil, bom, o CleanMyMac X é a opção a escolher.

Experiência de limpeza

Passando para o ato da limpeza do Mac em si. acredito que os dois tenham feito um trabalho excepcional.

Analisando pastas idênticas, ambos foram capazes de fazer a limpeza das pastas e de arquivos desnecessários com rapidez. Em meus testes, consegui apagar pastas idênticas com cerca de 23GB de arquivos em apenas três segundos com ambos os apps.

Entretanto, verifiquei que, em algumas ocasiões, o CleanMyMac X conseguiu analisar e selecionar arquivos a serem deletados um pouquinho mais rápido do que o Washing Machine — mas eu diria que essa diferença de tempo só surtirá em mudanças no seu dia a dia caso tenha centenas de gigabytes para serem escaneados no seu Mac.

Manutenção

Ambos os softwares possuem opções para realizar limpezas periódicas no seu Mac. A diferença, aqui, é que o Washing Machine lhe notifica por padrão a cada duas semanas, para que você realize um escaneamento do seu Mac pelo app.

O CleanMyMac também traz alertas parecidos, mas está sempre monitorando o Mac para lhe avisar caso qualquer um dos casos abaixo aconteça:

Ou seja, caso você deseje uma ferramenta proeminente e que fique o tempo todo monitorando o seu Mac, o CleanMyMac X é a escolha. Porém, caso o aviso programável do Washing Machine seja suficiente para você, ótimo!

Um porém a se adicionar, entretanto, é que o CleanMyMac X parece usar bem mais memória (unificada ou RAM1, dependendo do seu Mac) do que o Washing Machine. Mas claro, imagino que seja por conta do monitoramento 24h que ele faz no sistema.

De qualquer forma, mesmo que você tenha apenas 8GB na sua máquina, não vejo problema em deixá-lo rodando o tempo todo, a menos que você planeje realizar tarefas superpesadas.

Como dito anteriormente, ainda vale notar a quantidade excepcional de tarefas que a ferramenta de manutenção do CleanMyMac X traz.

Barra de menus

Ambas as ferramentas adicionam ícones à barra de menus do macOS — algo que não sou nem um pouco fã —, os quais permitem acionar rapidamente seus respectivos aplicativos.

A diferença, aqui, fica em torno das ferramentas disponibilizadas por cada ícone. Enquanto o Washing Machine traz apenas opções simples, como abrir as preferências do app, buscar por atualizações e abrir o próprio Washing Machine, o ícone do CleanMyMac X inclui uma série de widgets repletos de informações.

Dentre elas, temos o status de proteção antivírus do Mac, informações de bateria, armazenamento, aparelhos conectados ao Wi-Fi, quantidade de memória disponível, informações de carga e temperatura da CPU2, e até informações de velocidade da sua rede.

Preços e veredito

Na hora de escolher um desses dois, é preciso colocar na balança a sua prioridade entre recursos e preço. Então vamos ao dito cujo.

O Washing Machine X9 custa normalmente US$50, mas leitores do MacMagazine podem adquirir o app por apenas US$20. Essa licença é vitalícia e inclui suporte a uma máquina.

O CleanMyMac X, por sua vez, tem opções de ativação por compra única ou assinatura. A assinatura de um ano com suporte a um Mac custa em torno de R$220 (o preço muda de acordo com a variação cambial); já a licença vitalícia sai por cerca de salgados R$500.

Ou seja, temos aqui uma bela diferença de preço se compararmos um ao outro em pé de igualdade. Com o CleanMyMac X sendo quase 5x mais caro que o Washing Machine, é preciso colocar na balança e ver se as funções extras do utilitário da MacPaw lhe compelem a investir esse dinheiro a mais.

Caso você só queira um utilitário para realizar a limpeza periódica do seu Mac, o Washing Machine é uma ótima opção e com um preço bem competitivo.

Vale notar que a Intego também oferece um aplicativo separado de antivírus, que pode ser um bom substituto para algumas das funções do CleanMyMac X. O bundle dos dois softwares normalmente é vendido por US$85, mas está disponível, por tempo limitado, por apenas US$35 — ainda bem mais em conta que o CleanMyMac X.

Dito isso, qualquer uma das opções fará um ótimo trabalho, caso seu intuito seja limpar e organizar o seu Mac. 😉

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
GenioDesk Pro

Review: GenioDesk Pro, a standing desk brasileira

Próximo Artigo
Arte do filme "Entre Tiros e Beijos"

Filmes da semana: compre "Entre Tiros e Beijos" e vários outros títulos por R$9,90!

Posts Relacionados