O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple processa cineasta independente por curta… “Apple-Man”

A produção gira em torno de um super-herói que tem o incrível poder de levitar maçãs
Curta-metragem "Apple-Man", processado pela Apple

Está a fim de uma pequena dose de… digamos, delírio jurídico por parte da Apple nesta manhã de terça-feira? Então você veio ao lugar certo: à história do cineasta independente ucraniano Vasyl Moskalenko.

Publicidade

Moskalenko está atualmente em fase de pós-produção — após um financiamento coletivo bem-sucedido no Kickstarter — do seu próximo filme, um curta-metragem de ação e comédia chamado “Apple-Man”. E, por mais que as coisas em comum com a Apple limitem-se ao título, parece que a gigante de Cupertino não está muito satisfeita com essa adjacência.

Em um vídeo no YouTube, Moskalenko afirmou que a Apple se opôs ao pedido de registro do título do filme e “iniciou os procedimentos legais” enviando ao cineasta um documento de 467 páginas “cheio de termos técnicos” do juridiquês. Segundo a Maçã, os espectadores do curta poderiam acreditar que o protagonista é “associado, aprovado, apoiado ou oferecido pela Apple”.

O problema é que, bom, tirando o título, o filme de Moskalenko não tem absolutamente nada a ver com a Apple: a produção gira em torno de um super-herói que tem o único e exclusivo poder de… levitar maçãs — sim, aquelas frutas que talvez você já tenha ouvido falar (e que, até onde se tem notícia, ainda não são propriedade intelectual da Apple Inc.).

Publicidade

Moskalenko notou, no vídeo, que o Escritório de Marcas e Patentes dos Estados Unidos já aprovou o seu filme, mas caso o processo da Apple no órgão dê resultado, o curta poderá ter a sua distribuição nos EUA bloqueada — a menos que o título (e portanto todo o conceito da produção) seja alterado.

O cineasta afirmou, por fim, ter “total respeito” pela Apple e ofereceu aos advogados da empresa uma oportunidade para assistir ao corte final do curta antes do lançamento. Ele disse ainda estar aberto a negociações — até porque, caso o processo vá em frente, é possível que todo o financiamento conquistado no Kickstarter tenha de ser gasto em despesas legais.

Depois do caso da Prepear, agora essa…

via iPhone in Canada

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Telegram

Telegram ganha stickers de vídeo, novas reações e mais

Próximo Artigo
Base Lightning para iPhone

Brasil é um dos poucos países com estoque da Base Lightning para iPhone

Posts Relacionados