O melhor pedaço da Maçã.

TikTok quer aumentar medidas de segurança para adolescentes

TikTok

Ultimamente, as redes sociais têm se preocupado cada vez mais com o bem-estar de seus usuários e os tipos de conteúdos que são postados/recomendados em suas plataformas — algo que não é nada mais do que uma obrigação, e que está sendo estimulado por diversos órgãos de controle pelo mundo.

Publicidade

Agora, foi a vez do TikTok de anunciar algumas mudanças que visam tornar a rede cada vez mais segura, principalmente para adolescentes.

Zonas de conforto

Para começar, o TikTok está trabalhando em recursos que serão capazes de classificar conteúdo com base na maturidade do vídeo e “zonas de conforto temáticas”. Vídeos com conteúdo muito maduro estarão restritos a adolescentes. Também será possível escolher o nível de maturidade do conteúdo que se deseja ver, algo que poderá ser controlado pelos pais por meio dos controles parentais.

Os criadores de conteúdo, por sua vez, poderão indicar se seus vídeos são apropriados ou não para jovens. A rede também está explorando novas maneiras de restrição de conteúdo por idade.

Viralização de conteúdos perigosos

O TikTok também está tomando alguns passos a mais para identificar, e evitar que pegadinhas e brincadeiras que possam ser perigosas se tornem virais na plataforma. Exemplo disso são as pegadinhas envolvendo ameaças de ataques a tiros que ocorreram em escolas nos Estados Unidos, e que chegou a mobilizar autoridades americanas.

Publicidade

A rede afirmou ter removido 91 milhões de vídeos com conteúdo prejudicial no terceiro trimestre de 2021 — cerca de 85% deles sem que chegassem a ser visualizados por usuários.

Diretrizes de comunidade

O TikTok também está atualizando as suas diretrizes de comunidade. Sob as novas regras, conteúdos relacionados a suicídio e outras atitudes consideradas perigosas terão uma nova seção, com regras mais claras e definidas. A rede também está proibindo a veiculação de vídeos estimulando transtornos alimentares e terapias de conversão de orientação sexual.

Publicidade

Por fim, o TikTok também está atualizando suas regras para banir explicitamente comentários misóginos ou que contenham deadnaming/misgendering.


A maioria das mudanças anunciadas hoje ainda estão em desenvolvimento, mas assim que chegarem à plataforma, certamente serão muito bem-vindas.


Ícone do app TikTok
TikTok de TikTok Ltd.
Compatível com iPadsCompatível com iPhones Compatível com o Apple Vision Pro Compatível com o iMessage
Versão 34.7.1 (372.7 MB)
Requer o iOS 12.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR

via Engadget

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Premiere Pro: transcrição de fala fica 3x mais veloz em Macs M1

Próx. Post

Beta do Apple Music para Android revela app “Apple Classical”

Posts Relacionados