O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Warren Buffett

Warren Buffett coloca Apple como uma das 4 gigantes do seu fundo de investimentos

Anualmente, a Berkshire Hathaway, empresa de investimentos que tem como sócio majoritário e principal gestor um dos maiores bilionários do mundo, Warren Buffett, publica uma carta aberta a todos os seus acionistas e investidores. Pois recentemente foi publicada a carta de análise [PDF] referente ao ano de 2021.

Publicidade

Nesse relatório, são apresentados os rendimentos dos ativos de posse do grupo, e também oferecidas análises e explicações sobre as principais decisões tomadas no ano que se passou. Vale observar que o fundo tem um crescimento acumulado de impressionantes 3.641.613% (isso mesmo, mais de 3 milhões de pontos percentuais) de 1965 a 2021 contra 30.209% do S&P 500 (índice padrão da bolsa americana que reúne as 500 maiores empresas do Standard & Poor’s, equivalente ao nosso Ibovespa).

E o que nos interessa nisso? Bem, Buffett comentou sobre a Apple, classificando a empresa em segundo lugar em seu ranking chamado “Four Giants” (“Quatro Gigantes”) entre todas as organizações nas quais investe.

Eis o comentário apresentado (com tradução livre nossa):

A Apple — nossa gigante vice-campeã, com base em seu valor de mercado no final do ano — é uma espécie diferente de holding. Aqui, nossa participação é de apenas 5,55%, acima dos 5,39% do ano anterior. Esse aumento pode parecer pouco, mas considere que cada 0,1% dos ganhos da Apple em 2021 totalizaram US$100 milhões. Não gastamos fundos da Berkshire para aumentar nossa participação. As recompras da Apple nos permitiram esse investimento.

É importante entender que apenas os dividendos da Apple são contados nos relatórios de ganhos da Berkshire — e, no ano passado, a Apple nos pagou US$785 milhões em dividendos. No entanto, nossa participação nos ganhos da Apple totalizou impressionantes US$5,6 bilhões. Muito do que a empresa reteve foi usado para recomprar ações da Apple, um ato que aplaudimos. Tim Cook, o brilhante CEO1 da Apple, considera muito apropriadamente os usuários de produtos da Apple como seu primeiro amor, mas todos os outros públicos também se beneficiam do toque gerencial de Tim.

Recentemente, publicamos aqui um post falando sobre o valor de mercado da Apple na casa dos US$3 trilhões e da participação de Buffett. Em sua carta, ele destaca esse crescimento e o quanto ele contribuiu para o fundo. Como fez outras vezes — e igualmente já comentamos aqui —, Buffett elogiou com destaque a gestão de Cook, ressaltando sua paixão pelo clientes.

Para quem é fã dos produtos e avanços da empresa, é bom saber que existe fôlego financeiro para proporcionar muita expansão, inovação e lançamentos nos próximos anos! Para quem investe, um incentivo a mais para colocar parte de suas economias na empresa liderada por Cook. 🤑

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Honor lança fones sem fio com medidor de temperatura corporal

Próximo Artigo
Bandeiras da Ucrânia e da Rússia sobre pedra

Apple interrompe vendas de produtos na Rússia [atualizado]

Posts Relacionados