O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

App Buscar no iPhone
Konstantin Savusia / Shutterstock.com

Assaltante tira selfie e é rastreado após furtar iPhone

Certamente você conhece a história de alguém próximo que teve algum dispositivo móvel furtado/roubado, principalmente smartphones. Infelizmente, essa é uma das situações mais comuns em várias cidades brasileiras — mas isso não ocorre só em terras tupiniquins, é claro.

Publicidade

O leitor do MacMagazine Nuno Luz, residente de Portugal e repórter esportivo da SIC, compartilhou uma história exatamente como essa — a qual terminou com a recuperação do aparelho graças à interoperabilidade dos sistemas da Apple.

Ele nos contou que a loja da sua sogra em Lisboa foi assaltada e que o criminoso levou tudo o que havia na recepção, incluindo um iPhone 11. A cerca de 500 metros do local, porém, o assaltante foi checar se o dispositivo estava desbloqueado e abriu a câmera — e “acidentalmente” tirou uma… selfie!

Como o iPhone estava conectado ao mesmo ID Apple de um iPad da vítima, pouco tempo depois a foto apareceu no tablet — a qual foi posteriormente apresentada à polícia, a qual compareceu à loja para o registro da ocorrência.

Publicidade

Além disso, o Nuno contou que, como o código de desbloqueio do iPhone não era fácil de “adivinhar” (como 000000 ou 123456), o PIN do SIM estava ativo e o recurso Buscar iPhone também estava acionado (Ajustes » ID Apple » Buscar » Buscar iPhone), a vítima decidiu não bloquear o dispositivo remotamente.

Em vez disso, eles usaram o app Buscar (Find My) no iPad para acompanhar os passos do assaltante e registrar os locais por onde ele passava. No dia seguinte, eles verificaram que o iPhone estava em movimento — e, nesse instante, a vítima foi à delegacia com a imagem tirada pelo assaltante e a localização do dispositivo.

Nuno acompanhou uma equipe da polícia e, com a ajuda do app Buscar no iPad, eles chegaram a um local que coincidia com uma área habitacional e um jardim — momento em que a atualização do iPhone parou de ser atualizada. Passado algum tempo, a localização voltou a mostrar que o iPhone estava no jardim. Ao chegarem no local exato, eles se depararam com um jardineiro que disse de imediato que estava com o iPhone, afirmando tê-lo encontrado enquanto trabalhava.

Publicidade

Segundo Nuno, o telefone estava desligado, e sem o chip SIM, mas continuava a emitir sinal de localização — graças a uma nova funcionalidade do iOS 15, a qual permite que o iPhone seja localizado mesmo desligado ou offline — a qual deve ser configurada em Ajustes » ID Apple » Buscar » Buscar iPhone » Rede do app Buscar.

Ainda de acordo com ele, o criminoso tinha tentado restaurar o iPhone, mas, como não conseguiu por não ter a senha de desbloqueio do app Buscar, acabou abandonando o telefone no jardim onde ele foi encontrado.

Passado o susto e a preocupação, Nuno enviou um email para Tim Cook, CEO1 da Apple, contanto todos os detalhes da história e exaltando como a empresa consegue elaborar produtos que, além de contribuir para o nosso dia a dia de lazer e trabalho, oferecem também recursos de ponta úteis em situações como essa. Algum tempo depois, Cook respondeu ao email, agradecendo-o.

Email de Tim Cook para Nuno Luz

Nem todos, é claro, podem dizer que conseguiram recuperar seus dispositivos roubados — mesmo com os muitos recursos de segurança oferecidos pela Apple; ainda assim, casos como esse mostram que tais funcionalidades podem ser, de fato, bastante eficientes para o que elas se propõem a fazer.


Ícone do app Buscar
Buscar de Apple
Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple Watches
Versão 1.1 (3.1 MB)
Requer o iOS 14.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Câmera da Wyze

Falhas em câmeras de segurança da Wyze duraram 3 anos

Próximo Artigo
Apps sob logo da App Store

Mudanças na App Store terão efeito mínimo na receita, diz analista

Posts Relacionados