O melhor pedaço da Maçã.

Navegador Brave lança recurso para “burlar” páginas AMP

Navegador Brave

Quem acompanha o MacMagazine deve se lembrar que já falamos diversas vezes sobre o navegador Brave. Recentemente ele ganhou um novo recurso chamado De-AMP, o qual “pula” automaticamente qualquer página renderizada com o Accelerated Mobile Pages (também conhecido como AMP), framework do Google, direcionando usuários para o site original.

Publicidade

A Brave anunciou que o recurso De-AMP já está disponível em suas versões Nightly e Beta, e virá ativado por padrão na versão 1.38 para desktop e Android em breve — antes de ser lançado para iOS.

Sempre que possível, o De-AMP reescreverá links e URLs para impedir que os usuários visitem as páginas AMP. E nos casos em que isso não for possível, o Brave observará como as páginas estão sendo buscadas e redirecionará os usuários para fora das páginas AMP antes que a página seja renderizada, impedindo que o código AMP/Google seja carregado e executado.

Para quem não sabe, o AMP renderiza o conteúdo de uma página para parecer que vem do site original — quando, na verdade, mostra uma versão criada pelos servidores do Google. A empresa afirma que isso melhora o desempenho do site e simplifica a experiência de navegação — no entanto, os desenvolvedores do Brave afirmam que isso é “prejudicial para os usuários e para a web em geral”.

Segundo eles, o AMP “dá ao Google ainda mais conhecimento dos hábitos de navegação dos usuários”, muitas vezes podendo ser mais lento do que as páginas normais da web — alertando, ainda, que a próxima versão do AMP (até agora chamada apenas de AMP 2.0) será pior.

Publicidade

Vale notar que há uma série de apps e extensões para outros navegadores que possuem o mesmo propósito do De-AMP. Além disso, vários sites já deixaram de usar o framework do Google completamente — incluindo o MM.


Ícone do app Brave Navegador Web IA Privado
Brave Navegador Web IA Privado de Brave Software
Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 1.66.2 (239.6 MB)
Requer o iOS 15.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR

via ZDNet

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Apple TV+: F. Murray Abraham deixa o elenco de “Mythic Quest”

Próx. Post

RappiCard ganha compatibilidade com o Apple Pay

Posts Relacionados