O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Novo Amazon Echo

Estudo revela que Alexa usa dados pessoais para anúncios

Um novo estudo divulgado na semana passada revelou inconsistências nas políticas de privacidade da Amazon e da sua assistente virtual, a Alexa. De acordo com informações coletadas por pesquisadores da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, a gigante do varejo estaria compartilhando dados de interações feitas com os dispositivos Echo com dezenas de empresas de anúncios direcionados sem muita transparência.

Publicidade

Intitulado “Your Echos are Heard: Tracking, Profiling, and Ad Targeting in the Amazon Smart Speaker Ecosystem”, o estudo revela que dados coletados pela Alexa estariam sendo utilizados por 41 parceiros da Amazon no mercado de anúncios. A empresa também estaria usando as gravações de voz para entregar propagandas direcionadas não só pelos dispositivos Echo, mas também pelos seus serviços e sites na web.

Os anúncios gerados através das interações com a assistente virtual da empresa teriam alta demanda e seriam, ainda, até 30x mais lucrativos para a Amazon se comparados às propagandas mais tradicionais.

Em resposta ao The Verge, Lauren Raemhild, da Amazon, confirmou que eles usam, sim, dados coletados pela Alexa para exibir anúncios mais relevantes em suas plataformas, mas negou que eles sejam compartilhados com terceiros.

Publicidade

Muitas das conclusões dessa pesquisa são baseadas em inferências imprecisas ou especulações dos autores, e não refletem com precisão como o Alexa funciona. Não estamos no negócio de vender informações pessoais de nossos clientes e não compartilhamos solicitações da Alexa com redes de publicidade.

Raemhild continuou ao explicar que as políticas da Amazon obrigam skills desenvolvidas por terceiros a deixar explícito em suas páginas quais informações pessoais são coletadas dos usuários. Entretanto, segundo a pesquisa, apenas 2,2% das skills presentes na plataforma da Amazon são claras sobre o que exatamente é coletado, enquanto outras 70% nem sequer mencionam a assistente virtual.

Em certo ponto da pesquisa, os pesquisadores comparam as caixas de som inteligentes atuais com verdadeiras “caixas-pretas”, e criticam a falta de transparência na coleta de dados sensíveis. A Apple, vale notar, deixa o compartilhamento de dados coletados pela Siri desativado por padrão em seus sistemas.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
iPhone 12 branco

Oferta: iPhone 12 com 29% de desconto

Próximo Artigo

Vídeo: o chip A7 incrustado em acrílico!

Posts Relacionados