O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Google Play e App Store
Tada Images / Shutterstock.com

App Store e Google Play têm 1,5 milhão de apps “abandonados”, aponta pesquisa

Uma nova pesquisa divulgada nesta semana pela Pixelate apontou que mais de 650 mil aplicativos presentes na App Store estão completamente abandonados, ou seja, sem receber qualquer atualização há vários anos. Essa informação vem pouco tempo após a Apple anunciar uma nova “limpeza” que deverá afetar quase 3 mil apps da sua loja.

Publicidade

Os dados analisados pelo estudo foram obtidos no dia 31 de março, e também contemplam a Google Play, que se encontra em um estado ainda mais crítico com aproximadamente 869 mil apps totalmente esquecidos — totalizando algo em torno dos 1,5 milhão de aplicativos.

De acordo com a firma de pesquisas, os aplicativos encontrados pelo estudo foram separados em duas categorias: os abandonados (sem receber nenhum update há dois anos ou mais) e o superabandonados (sem receber nenhum update há cinco anos ou mais).

Ao somar os catálogos das duas lojas, a Pixelate concluiu que cerca de 330 mil aplicativos (33%) estão completamente parados há dois anos ou mais. Ao mesmo tempo, 314 mil se encaixam na categoria “superabandonados”. Desses, 184 mil (ou 58%) estão na App Store.

O gênero de aplicativo com mais títulos abandonados foi o de jogos, o qual liderou a lista com 50 mil títulos completamente parados há dois anos ou mais. Logo atrás estão os apps de educação e referência, com 44 mil e 31 mil, respectivamente.

Publicidade

Segundo a pesquisa, apps que são atualizados com mais frequência costumam ser bem mais populares dentro das lojas, já que 84% dos aplicativos com mais de 100 milhões de downloads receberam pelo menos um update nos últimos seis meses. Entre eles, estão, principalmente, apps de finanças, saúde e compras.

Vale notar que a ausência de atualizações não quer dizer, necessariamente, que um aplicativo foi simplesmente esquecido por seus criadores, já que a necessidade por updates pode variar dependendo do software. Entretanto, desde 2020, a Apple exige que desenvolveres atualizem seus apps com, pelo menos, os chamados “quadros de informações nutricionais”.

via AppleInsider

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Ranking The Global 2000

Apple cai uma posição e fica em 7° na Forbes Global 2000

Próximo Artigo
Studio Display

Baixe o wallpaper do Studio Display, que virá no macOS 12.4

Posts Relacionados