O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Mulher perde US$1.500 em golpe do “suporte da Apple” [atualizado: errata]

O golpe envolveu um número falso de contato e a instalação de um aplicativo solicitado pela golpista
Suporte da Apple

Uma mulher chamada Cookie Pridemore, da cidade de Denver (capital do Colorado, nos Estados Unidos), caiu em um golpe realizado por um falso suporte da Apple. Com isso, ela perdeu a quantia de US$1.500, equivalente a mais de R$7.000.

Publicidade

Pridemore explicou a situação de maneira bastante vaga. Ela afirmou que ficou “trancada para fora” de seu iPhone 13 e não conseguia usar o aparelho. Então, buscou no Google — usando o smartphone do marido — o telefone do suporte da Apple. Aí, começaram os problemas.

A vítima não percebeu, mas se tratava de um número falso. Quando ela buscou, certamente não selecionou o link correto, de maneira que caiu em um criado especificamente para enganar as pessoas. A pessoa do outro lado da linha pediu informações da conta bancária da mulher e tudo aconteceu tão rápido que ela não conseguiu impedir.

A golpista, afirmou Pridemore, entrou na sua conta e fez três transferências do aplicativo de pagamentos Zelle, totalizando os US$1.500.

Publicidade

É importante observar todos os cuidados que a mulher deixou de ter: observar se o contato encontrado na internet é realmente da empresa, desconfiar de pedidos de informações desnecessárias para o suporte e, depois de tudo isso, observar para que servem programas cuja instalação o suposto técnico solicita.

Sendo assim, em se tratando da Apple, é preferível usar o aplicativo Suporte da Apple. Ao buscar na internet, para não correr riscos de cair em sites errados, deve-se ir diretamente ao site da empresa (no caso, apple.com) e, nele, procurar a seção de suporte.

Além disso, ao primeiro sinal estranho, o contato deve ser encerrado. Pedidos de contas bancárias, senhas, informações pessoais, documentos ou endereços sem que haja necessidade de envio de produtos são especialmente suspeitos.

Publicidade

“Se você suspeitar de uma mensagem inesperada, ligação ou solicitação de informações pessoais ou dinheiro, é mais seguro presumir que é um golpe e entrar em contato com essa empresa diretamente se você precisar”, como afirma o tópico sobre fraudes da página oficial do suporte da Apple.

via AppleInsider

ATUALIZAÇÃO23/05/2022 às 11:10

Como notado por leitores (obrigado!), a vítima não foi solicitada a baixar um app em seu dispositivo. A informação, na realidade, se referia ao fato de que, se esse fosse o caso, os invasores poderiam tê-la obrigado a instalar algum tipo de app malicioso no aparelho — o que, como alertado, não ocorreu.

O trecho foi removido da matéria original.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
União Europeia

Europa define ainda mais exigências contra as Big Techs

Próximo Artigo

Tony Fadell comenta evolução do iPod analisando tomografias

Posts Relacionados