O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

CEO da Epic chama App Store de “desserviço” após novo dossiê

Tim Sweeney
PC Gamer

E a saga entre a Epic Games e a Apple continua! Em entrevista ao Financial Times, o CEO1 da desenvolvedora de games, Tim Sweeney, chamou a App Store de “desserviço”. A essa altura, a Epic já está mergulhada numa verdadeira campanha de propaganda contra a Maçã.

Publicidade

Para quem não lembra, tudo começou em 2020, quando o jogo Fortnite (da Epic) criou uma ferramenta que permitia realizar compras fora do sistema de pagamentos da App Store — por um preço mais baixo. A Apple, então, retirou o game do ar para novos downloads, ato seguido pelo início de uma longa jornada nos tribunais por parte da Epic, cujas bases são práticas competitivas desleais e livre concorrência.

Essa interminável disputa judicial entre as empresas já se tornou cansativa, mas ela conta com mais um desenrolar. Agora, a Epic enviou ao tribunal um dossiê de 136 páginas, no qual afirma que a Apple “desorientou a corte”. Além disso, a empresa adicionou que a juíza, ao sentenciar em favor da Maçã, teria ignorado fatos os quais provam que a gigante de Cupertino estaria adotando práticas anticompetitivas.

Na entrevista, Sweeney disse, ainda, que a “Apple produz smartphones e lucra a partir deles — e merecem. Porém, eles forçam todos os compradores de seus smartphones a usar exclusivamente sua loja de aplicativos para obter conteúdo digital”. O CEO afirmou que a Maçã usa sua vantagem em hardware para promover concorrência desleal em matéria de software.

Publicidade

O executivo da Epic também teceu comentários sobre o metaverso e a Meta (dona do Facebook, do Instagram e do WhatsApp). Ele vê esse novo espaço como possibilidade de expansão futura para Fortnite e, para isso, enxerga a empresa como aliada. Ironicamente, ele não vê a Meta, que não tem “base de usuários significativa nos ramos que a Epic compete”, como monopólio, apenas observando que ela deveria remunerar melhor os criadores de conteúdo.

Nos últimos dias, a Apple divulgou estatísticas que destacam o impacto positivo que já teve a App Store. Os dados incluem contribuir com cerca de 2,2 milhões de empregos e aumento na receita dos desenvolvedores. Certamente, a publicação dessas pesquisas em meio a acusações da Epic sobre a loja de aplicativos é também uma maneira de a Maçã contra-atacar.

O fato é que Sweeney e a Epic vão continuar denunciando a App Store por falhas de segurança, monopólio, práticas anticompetitivas e o que mais puderem para sustentar a guerra que iniciaram. A Apple, porém, está numa posição mais confortável, tendo em vista que soma muito mais vitórias judiciais, apenas perdendo na questão de permitir desenvolvedores de comunicarem aos usuários maneiras de pagar menos em assinaturas.

Publicidade

Que nos preparemos para os vários próximos desdobramentos dessa longa disputa, que certamente acontecerão!

via MacRumors

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Tim Cook

Tim Cook doa US$100 mil para banda de sua antiga escola

Próximo Artigo
MatchColours

Promoções na App Store: MatchColours, Time Arc, NetWorker Pro e mais!

Posts Relacionados