O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

iPhone 7
Foto de Goran Ivos no Unsplash

iOS 16: iPhones 6s, 7 e SE (1ª geração) não serão compatíveis

O iPadOS 16 também deixou para trás alguns dispositivos

Finalizada a keynote de abertura da WWDC22, vem o momento mais difícil do dia: passar a lista dos produtos da Apple que não sobreviverão às mais novas atualizações dos sistemas operacionais da empresa. E, no caso do iOS 16, a foice agiu de forma significativa.

Publicidade

Mais precisamente, a página do iOS 16 deixa claro que o sistema é compatível apenas com o iPhone 8 e posteriores — ou seja, aparelhos lançados de 2016 em diante. Isso deixa de fora, claro, os iPhones 7/7 Plus e os highlanders iPhone 6s/6s Plus, além do iPhone SE de primeira geração. O iPod touch de 7ª geração, recém-descontinuado, também ficou de fora. Todos eles são compatíveis com o iOS 15 e receberam, portanto, quase seis ou sete anos de atualizações (ou um pouco menos, no caso do iPod).

Portanto, a lista de compatibilidade do iOS 16 é a seguinte:

  • iPhones 13, 13 mini, 13 Pro e 13 Pro Max
  • iPhones 12, 12 mini, 12 Pro e 12 Pro Max
  • iPhones 11, 11 Pro e 11 Pro Max
  • iPhones XS e XS Max
  • iPhone XR
  • iPhone X
  • iPhones 8 e 8 Plus
  • iPhones SE (2ª e 3ª gerações)

Vale notar, ainda, que alguns recursos do iOS 16 serão restritos a aparelhos mais novos. A possibilidade de reconhecer (e copiar) objetos em primeiro plano nas imagens, por exemplo, só será disponibilizada em dispositivos com o chip A12 Bionic ou superior — isto é, do iPhone XS/XR em diante. O mesmo vale para o Texto ao Vivo (Live Text) em vídeos e as ações rápidas do recurso.

Também há as limitações geográficas de uma série de recursos, mas nenhuma novidade aqui: o Apple Pay Later, que permite parcelar compras diretamente no serviço de pagamentos, será disponibilizado apenas a “usuários elegíveis” nos Estados Unidos, e a integração do Mapas com cartões-passe do transporte público também dependerá da localidade, assim como o suporte a documentos no app Carteira (Wallet).

O novo Ditado, que pode ser usado simultaneamente com o teclado, também será exclusivo para dispositivos com o chip A12 Bionic ou superior, e em apenas nove idiomas, como o inglês, o espanhol e o japonês — nada de português, a princípio.

iPadOS

No caso do iPadOS, o “raio descompatibilizador” foi um pouco mais brando, mas também agiu: no iPadOS 16, sairão de cena o iPad Air de segunda geração e o iPad mini de quarta geração. A lista completa de dispositivos compatíveis é a seguinte:

  • iPad Pro (todos os modelos)
  • iPad Air (3ª, 4ª e 5ª gerações)
  • iPad (5ª, 6ª, 7ª e 8ª gerações)
  • iPad mini (5ª e 6ª gerações)

E aí, foram atingidos pelo impiedoso raio ou continuam dentro da lista de compatibilidade? Deixem suas impressões logo abaixo.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Face ID

iOS 16: alguns iPhones poderão usar o Face ID na horizontal

Próximo Artigo
Parte superior do Mac Pro de 2013

macOS Ventura não será compatível com Mac Pro de 2013 e outros

Posts Relacionados