O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Touch ID do iPhone
charnsitr / Shutterstock.com

O que é e como funciona o Touch ID

Se formos pensar em biometria em dispositivos móveis, aquela que talvez seja a mais popular e usada é o sensor de impressão digital.

Publicidade

No caso dos dispositivos da Apple, ele é chamado de Touch ID e apareceu pela primeira vez no iPhone 5s, em 2013. De lá para cá, ele foi expandido para os iPads e Macs também.

Mas, afinal de contas, o que é e como funciona essa tecnologia? É o que responderemos nos próximos parágrafos. Confira, a seguir, os detalhes! 😉

O que é o Touch ID?

O Touch ID é um sensor biométrico que possibilita que você desbloqueie o seu dispositivo, autentique a abertura de aplicativos protegidos por senha compatíveis e até mesmo realize pagamentos usando o Apple Pay.

Como funciona o Touch ID?

O Touch ID funciona com alguns componentes especiais. Tudo começa o sensor em si — protegido por um cristal safira — que usa um toque capacitivo para gerar uma imagem de alta resolução de todos os detalhes da sua impressão digital.

Feito isso, ele cria uma representação matemática da sua impressão digital registrada para identificar a sua correspondência e desbloquear ou autenticar o seu dispositivo. Aos poucos, o sensor do Touch ID atualiza essas informações para que a sua precisão e correspondência sejam aprimoradas.

No caso do sensor presente nos iPhones/iPads, o anel de aço inoxidável em torno do sensor do Touch ID é usado para detectar o seu dedo e “informar” a ele que é hora de começar a leitura da sua impressão digital.

Em quais dispositivos o Touch ID está disponível?

O Touch ID está presente em diversos dispositivos da Maçã, lançados desde 2013:

iPhones

  • iPhone 5s
  • iPhone 6 e 6 Plus
  • iPhone 7 e 7 Plus
  • iPhone 8 e 8 Plus
  • iPhone SE (todas as gerações)

iPads

  • iPad Air (2ª geração ou posteriores)
  • iPad Pro de 12,9 polegadas (1ª e 2ª gerações)
  • iPad Pro de 10,5 polegadas
  • iPad Pro de 9,7 polegadas
  • iPad (5ª geração ou posteriores)
  • iPad mini (3ª geração ou posteriores)
GIF do Touch ID no novo MacBook Pro de 13 polegadas

Macs

  • MacBook Pro de 13″ (2016 ou posteriores)
  • MacBook Pro de 15″ (modelos de 2016 a 2019)
  • MacBook Pro de 16″ (todos os modelos)
  • MacBook Pro de 14″ (todos os modelos)
  • MacBook Air (2018 ou posteriores)

Além desses Macs, o Touch ID também está presente em dois modelos de Magic Keyboard, em que o recurso em si funciona apenas quando emparelhado a Macs com Apple Silicon:

O Touch ID é seguro?

Segundo a Apple, a probabilidade de que uma pessoa desbloqueie o seu dispositivo usando o Touch ID é de 1 em 50.000 para um único dedo registrado. Comparando com a probabilidade de um dispositivo ser acessado usando a senha de quatro dígitos (como 0000), são de 1 em 10.000.

Publicidade

Os dados armazenados pelo Touch ID são totalmente criptografados, armazenados no dispositivo e protegidos com uma chave disponível apenas para a Secure Enclave, uma arquitetura de segurança especial feita para proteger os seus dados de biometria e de código.

Publicidade

Eles não podem ser acessados pelo iOS, iPadOS ou macOS em seu dispositivo e nem por outros aplicativos instalados nele. Além disso, eles nunca são armazenados nos servidores da Apple, nem salvos em backups do iCloud ou em outros locais e não podem ser usados para fazer correspondência com outros bancos de dados de impressões digitais.


E você, ainda prefere o Touch ID como forma de biometria? 😀

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Mulher usando o Face ID do iPhone X

Face ID: o que é e como funciona o sensor de biometria facial

Próximo Artigo
iPhone como chave de quarto de hotel

Como desativar o acesso à Carteira na tela bloqueada [iPhone]

Posts Relacionados