O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple Self Service Repair: ajudando usuários ou só se enquadrando nas leis?

Apple Self Service Repair

A reparabilidade dos dispositivos da Apple tem sido criticada há muitos anos. Como resposta, a empresa lançou em abril o programa Self Service Repair, que permite aos usuários — por enquanto, nos Estados Unidos — consertarem dispositivos que incluem o iPhone SE (3ª geração), e as linhas iPhones 12 e 13.

Publicidade

Através do programa, a Maçã disponibiliza gratuitamente manuais, aluguel de ferramentas próprias e compras de partes originais para que o reparo seja realizado. Apesar de parecer uma ótima resposta na teoria, na prática o processo parece mais dispendioso, complexo e até mais caro, de acordo com alguns técnicos.

No canal Snazzy Labs, um vídeo documenta o processo de reparo de tela e bateria de um iPhone 12 mini pelo Self Service Repair. Os componentes foram comprados da Apple e todos os aparatos para o conserto foram alugados na empresa.

Por fim, o objetivo é alcançado, mas o vídeo mostra que o processo com as ferramentas que (juntas) pesam quase 44kg foi mais longo, houve uma burocracia grande para verificar a originalidade das peças e, com o aluguel e compras, foi até mais caro.

Porém, esse não foi o único relato do tipo. Em uma entrevista ao NPR, a técnica Jess Jones contou que decidiu reparar seu próprio dispositivo após de ter sido cobrada US$600 para consertá-lo pela Apple. Entretanto, ela se deparou com alguns percalços.

Publicidade

Jones afirmou que, mesmo com experiência em reparos, achou difícil entender o manual de quase 100 páginas. Além disso, tinha o preço: ela relatou que, ao alugar e fazer ela mesmo o reparo, ele custou mais do que se ela tivesse enviado o aparelho à Apple. A conclusão em que ela chegou foi que a empresa oferece o serviço apenas para dizer que ele existe, já que ninguém de fato vai usufruir dele.

A investida da Apple com o Self Service Repair foi interessante. Mesmo que se possa argumentar que a complexidade do processo seja por conta do padrão de qualidade da empresa, esses técnicos mostraram que não é nada prático. Tendo experimentado o programa, levantaram-se, então, dúvidas de que a intenção tenha sido para facilitar a vida dos usuários ou apenas para estar de acordo com as regras, principalmente após a aprovação da primeira lei de reparo nos EUA.

Publicidade

Nos conte o que acha sobre isso nos comentários. 😉

via The Mac Observer

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
App EXIF Viewer by Fluntro para iOS

Promoções na App Store: EXIF Viewer, Asketch, Theine e mais!

Próximo Artigo
Visualização "Ano" do Calendário do Mac

Calendário: como mostrar seus eventos na visualização por ano [Mac]

Posts Relacionados