O melhor pedaço da Maçã.

Instagram permite compartilhar posts, Reels e locais por código QR

Instagram código QR posts e locais

Há dois anos, o Instagram liberou um recurso que possibilitava acessar perfis a partir de códigos QR. Recentemente, usuários no Brasil e ao redor do mundo verificaram que também conseguem compartilhar posts, Reels e até locais da mesma maneira.

Publicidade

A novidade foi confirmada ao TechCrunch por um porta-voz da Meta: “Para facilitar o compartilhamento de conteúdo específico para pessoas e empresas, lançamos recentemente a capacidade de criar códigos QR para perfis, tags, locais, Reels e muito mais.”

Esse método de compartilhamento é ótimo para divulgar campanhas, produtos ou iniciativas em outras mídias — seja em uma live, na TV ou em cartazes, folhetos, outdoors, entre outros.

Compartilhamento de posts usando o código QR agora aparece no Instagram @MattNavarra.

Como o Instagram é atualmente uma rede social amplamente utilizada por profissionais de várias áreas, isso certamente auxiliará artistas como fotógrafos, pintores, músicos, atores e outros nas suas divulgações, podendo até adicionar os códigos aos seus portfólios. Além disso, diversas lojas, parques e atrações diferentes poderão ser descobertas e acessadas rapidamente com os códigos.

Se você quiser usufruir desse recurso, basta selecionar uma postagem, Reels ou local, depois tocar nos três pontinhos na parte superior direita e, em seguida, selecionar “Código QR”. Aparecerá a imagem, a qual poderá ser personalizada com algumas outras opções de cores e salva no rolo da câmera.

Melhorias de segurança para adolescentes

O Instagram também está atualizando um conjunto de recursos de segurança com foco em usuários com menos de 16 anos. Mais precisamente, novas contas de adolescentes com até essa idade serão configuradas, por padrão, com os ajustes de conteúdo mais restritivos do aplicativo. Isso, porém, pode ser configurado posteriormente pelo usuário.

O Instagram também solicitará que os jovens que já possuam contas ativas façam o mesmo a partir de um novo recurso de “verificação de configurações”, o qual ainda está em fase de testes.

As mudanças, segundo a rede, afetarão os conteúdos e as contas vistas nas abas Pesquisa, Explorar, páginas de hashtags, recomendações de feed e contas sugeridas.

via TechCrunch

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

★ Compra Assistida da Zip4Me: o que é e como funciona

Próx. Post

Samsung e Roku oferecem 3 meses grátis de Apple TV+ [atualizado]

Posts Relacionados