O melhor pedaço da Maçã.

YouTube Music libera widgets para a tela bloqueada do iOS 16

DenPhotos / Shutterstock.com
YouTube Music

O YouTube Music é o mais recente aplicativo do Google a ganhar widgets para a nova tela bloqueada do iOS 16. Com a chegada da versão 5.29 do serviço, liberada ontem pela desenvolvedora do Android, usuários podem agora iniciar a reprodução de uma música sem nem mesmo abrir o app do serviço de streaming.

Publicidade

Entre os widgets adicionados, temos um de tamanho 2×1 que mostra a mídia mais recente tocada pelo usuário — seja ela uma música, um álbum, uma playlist ou uma rádio. O widget, que também serve como uma espécie de atalho para o aplicativo, atualiza-se sempre que o usuário seleciona uma nova faixa.

Há também outro widget 1×1 que exibe o nome de uma música frequentemente escutada pelo usuário na frente do logo esmaecido do YouTube Music. Caso o usuário toque no widget, o serviço de streaming iniciará a reprodução da música em questão automaticamente — tal como no widget para a tela de Início do serviço.

Os widgets do YouTube Music seguem a mesma linguagem visual adotada por outros aplicativos do Google que já receberam a novidade (Chrome, Drive, Maps, Gmail e Notícias), optando por um visual translúcido bastante minimalista. Para adicioná-los, basta tocar e segurar na tela bloqueada até que a interface de edição seja revelada. Feito isso, é só tocar em “Personalizar” e depois em “Adicionar widgets”.

Ontem, vale lembrar, o aplicativo tradicional YouTube também recebeu novos widgets, mas para tela de Início.


Ícone do app YouTube Music
YouTube Music de Google
Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple Watches
Versão 6.48 (221.4 MB)
Requer o iOS 14.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Preços de iPads e AirTags sobem na Europa e em alguns países

Próx. Post

Meses depois, Dropbox ganha suporte total ao macOS Monterey [atualizado]

Posts Relacionados